Nossa bandeira jamais será mexicana

Bolsonaristas usam imagem plagiada de pintor comunista para incentivar o patriotismo no Brasil

#PlágioÉCrime
 
Plágio acadêmico é crime. Os professores universitários levamos isso muito a sério. Ainda assim, tivemos recentemente um ministro da justiça (atual ministro do STF nomeado pelo golpista Temer) que plagiou grandes trechos de seus escritos acadêmicos (como provamos os Jornalistas Livres em https://jornalistaslivres.org/alexandre-de-moraes-plagia-livro-mais-um/).
 
Outros casos de plágio, agora profissional, atingiram outra figura fundamental do bolsonarismo, a “jornalista” Joice Hasselman, atualmente líder do governo na Câmara dos Deputados (veja em http://www.sindijorpr.org.br/noticias/6066/conselho-de-etica-comprova-plagio-praticado-pela-jornalista-joice-hasselmann)
 
Há alguns dias, o Ministério da Educação no Brasil cometeu alguns crimes ao tentar impor às escolas, em documento com o slogan de campanha do presidente, que filmassem crianças cantando o hino nacional. A ideia, segundo o ministro, era infundir o patriotismo e o respeito aos símbolos nacionais. Dias depois foi obrigado a voltar atrás
 
Mas os bolsonaristas seguiram por vários dias insistindo na ideia de Jerico. Na campanha, usaram e abusaram da imagem épica de uma mulher carregando a bandeira brasileira com uma criança ao lado. Foi, por exemplo, o caso da Senadora Selma Arruda, do PSL de Mato Grosso, que preferiu fazer uma enquete sobre o tema ao invés de responder aos eleitores sobre o processe que cassação de mandato a que responde (veja em http://obomdanoticia.com.br/politica/senadora-faz-enquete-sobre-obrigatoriedade-de-execuo-do-hino-e-slogan-e-recebe-crticas/13334)
 
Acontece que essa imagem foi mais do que, digamos, “inspirada” numa pintura clássica mexicana. Pior, num quadro pintado por um artista COMUNISTA, que em outras obras dá mais desataque aos Astecas que aos conquistadores. Nada como ser original, né? Ontem o jornal El Heraldo, do México, publicou essa história, acusando o próprio Ministério da Educação pelo uso indevido da imagem.
 
Categorias
ArtigoCidadaniaComportamentoComunicaçãoCulturaDemocraciaEducação
Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

AfrikaansArabicChinese (Simplified)EnglishFrenchGermanItalianJapaneseKoreanPortugueseRussianSpanish