Doria quer repetir carnificina higienista de 2017 na Cracolândia, SP

A razão: um projeto imobiliário com 1130 apartamentos

Imagens de representantes da Defensoria Pública que chegam ao local para colher depoimentos depois das denúncias de abusos.

A gestão de Doria Jr (PSDB), governador de SP desativa os aparelhos de assistência à moradores em situação de rua na região da luz. São unidades do Atendimento Diário Emergencial (Atende). Já nesta quinta (22), a Secretaria de Segurança Pública realizou mais uma operação higienista na Cracolândia. A razão para tanto é a entrega de um condomínio popular que já entregou 916 apartamentos e pretende chegar aos 1130 nas próximas semanas.

Em nota, a Secretaria de Segurança Pública informou que o Departamento Estadual de Prevenção e Repressão ao Narcotráfico (DENARC) deflagrou “na manhã desta quinta-feira (22), a Operação de Campo de Polícia Judiciária Cracolândia 2019” que conta com “566 agentes de segurança, entre policiais civis, Dope e Demarco, policiais militares do patrulhamento de área, do Trânsito e BAEP, ALÉM DE guardas civis metropolitanos, com apoio de cerca de 140 viaturas e uma aeronave da Polícia Civil “, para impretar “20 mandados de busca e apreensão e 21 de prisão na região”.

O coletivo A Craco Resiste, que defende a redução de danos, se manifestou por nota: “uma semana depois do governador João Doria admitir que pretende deslocar a Cracolândia para a zona norte, a Polícia Civil realiza uma grande operação na região da Luz. O motivo alegado da ação, que envolve ainda a PM e a GCM, é combater o tráfico. É importante lembrar que a operação de hoje acontece após o fechamento da maior parte dos serviços de atendimento às pessoas com uso abusivo de droga e em situação de rua. Há um esforço conjunto da Prefeitura e do Governo Estadual para esconder a aglomeração de gente pobre na região da Armênia” Leia a nota na integra https://www.facebook.com/1780530862198286/posts/2301919416726092/

Os usuários de drogas que estão na região da Luz, historicamente, desde os anos 2000 (aproximadamente) e que já tiveram uma série de políticas públicas que tratavam a questão como um problema de saúde, através do programa “De Braços Abertos”, da gestão do ex-prefeito, Fernando Haddad, sempre foram sistematicamente atacadas por ações violentas, veja lista mais abaixo das matérias feitas pelos Jornalistas Livres.

Segundo a população do entorno do fluxo, o real caráter da operação é remover, espontaneamente ou compulsoriamente, os usuários para uma outra área da Av. Zaki Narchi, região norte da capital, o que se concretizado, deverá ser o novo endereço da Cracolândia em São Paulo.

Com essa informação, de quem habita o território e presencia diariamente massivas e truculentas ações da Secretaria de Segurança Pública, dá para concluir claramente que depois de 2017, nada mudou: a Prefeitura de Bruno Covas e Governo de João Doria Junior não sabem lidar com a situação e tratam mais uma vez as pessoas pobres e vulneráveis como lixo, assim como moradores da região para poderem entregar promover a especulação imobiliária na cidade e agradarem seus amigos, donos de grandes construtoras.

Para relembrar mais ações na Cracolândia

Em uma operação realizada em maio passado, na região, uma moça foi morta. Relembre esse caso aqui https://jornalistaslivres.org/cracolandia-morre-aline-22-anos-atingida-por-tiro-na-cabeca/

Veja mais matérias sobre as ações violentas desde 2017.

Ações de 2018

https://jornalistaslivres.org/violencia-policial-na-cracolandia/

https://jornalistaslivres.org/quarta-feira-de-violencia-na-cracolandia/

https://jornalistaslivres.org/quarta-feira-de-violencia-na-cracolandia/

Reportagem de 2018

https://jornalistaslivres.org/inspetor-bomba-foi-promovido-por-doria-junior-e-volta-atacar-cracolandia/

Ações violentas  de 2017

https://jornalistaslivres.org/moradores-da-cracolandia-sofrem-com-sitio-violento/

https://jornalistaslivres.org/cracolandia-ainda-pulsa/

https://jornalistaslivres.org/analise-materia-da-folha-culpa-moradores-da-cracolandia-pela-violencia-e-pelo-trafico-mas-questao-e-muito-mais-complexa/

Campanha de João Doria ataca usuários

https://jornalistaslivres.org/sem-politica-publica-doria-faz-campanha-para-responsabilizar-apenas-o-usuario-pelo-problema-do-crack/

Categorias
cracolândiaDesigualdadeDireitos HumanosGeralSão PauloSaúde MentalSegurança PúblicaViolência Policial
Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta