Mais um caso absurdo de censura a chargista

Fernandes, chargista do Diário do Grande ABC, foi acionado na Justiça pelo prefeito de São Bernardo do Campo (SP), Orlando Morando (PSDB)

O chargista e ilustrador do Diário do Grande ABC, Luiz Carlos Fernandes, foi acionado na Justiça pelo prefeito de São Bernardo do Campo (SP), Orlando Morando (PSDB), por causa de uma charge publicada no jornal.

A iniciativa revela um grave atentado à liberdade de expressão, razão pela qual Fernandes está recebendo inúmeras manifestações de solidariedade, sobretudo dos chargistas de vários cantos do país, a exemplo do que ocorreu, recentemente, com Aroeira. A ele manifestamos também nossa total solidariedade!

Confira abaixo algumas charges publicadas em solidariedade a Fernandes:

COMENTÁRIOS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

POSTS RELACIONADOS

O limite autoritário do humor

Porchat, Lins e os demais podem se ver como o epítome da liberdade de expressão, mas nem todos vão vê-los assim. Eu, por exemplo, vejo covardes defendendo crimes para lucrarem mais um pouquinho

Ique se despede das charges

Esta charge, marca hoje minha despedida como chargista político. Mesmo não sendo uma atividade profissional regular, permaneci produzindo meu conteúdo. É que o vício de transformar minha indignação em charge, sempre foi mais forte.

ABI reage à intimidação contra jornalista

Assim, sem necessariamente encampar as críticas contidas no artigo, a Associação Brasileira de Imprensa (ABI) se solidariza com o seu signatário e com a revista, registrando que o tom intimidatório da carta representa uma ameaça à liberdade de expressão e ao direito à crítica.