Ricardo Salles, mais um fujão da turma do presidente Bolsonaro

Ricardo Salles, ministro do meio ambiente falta em compromisso em SP por medo de ativistas ambientais

#aovivo #EXCLUSIVO O MINISTRO FUJÃO

O ministro do meio ambiente, Ricardo Salles declarou que vai colocar à venda, por exemplo, os Lençóis Maranhenses

O ministro do meio ambiente de Bolsonaro, RICARDO SALLES viria até a Assembleia Legislativa de SP, nesta sexta (24), para participar de uma atividade organizada pelos partidos de Direita da Casa e da Câmara Federal.

Só que Salles fugiu com medo de enfrentar o protesto e a recepção nada calorosa daqueles que são contra sua gestão que só quer vender os recursos naturais no Brasil.

Os ativistas presentes falaram, ao vivo, com os Jornalistas Livres sobre as últimas declarações do executivo em relação às entregas de recursos naturais que pretende fazer para empresários. Em março deste ano, Salles confirmou que tem por objetivo de sua gestão privatizar, por exemplo, parques. E essa entrega aos empresários já deve ter início imediato.

Em novembro de 2018, Bolsonaro ficou esperando de Temer, o que não aconteceu, um plano para privatizar nove parques nacionais que serão abertos à visitação. Dentre eles, estava o Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, no interior do Estado do MA.

Salles em sua visita aos Lençóis Maranhenses

Atualmente, os Lençóis são administrados pelos órgãos federais Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). Os mais de 150 mil hectares do parque abrangem os municípios de Barreirinhas, Primeira Cruz e Santo Amaro do Maranhão.

Na ideia inicial, há outros oito parques que podem ser entregues para a gestão de empresários, ou seja, vendidos, por um período de 20 anos. São eles: Parque Nacional de Jericoacoara, Serra da Canastra, a Chapada dos Guimarães.

Estima-se que as privatizações dos parques nacionais gerem, segundo as contas do ministério, R$ 140 milhões em outorgas e R$ 153 milhões em investimentos privados.

Em março deste ano, o ministro foi até os Lençóis Maranhenses e publicou uma foto em seu perfil do Instagram, que poder ser vista ao lado, com o texto: “O Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses vale muito a visita. Se concedido ao setor privado então, se tornará um dos principais destinos de ecoturismo do mundo. Vamos em frente!”, escreveu.

Assista a transmissão ao vivo com entrevistas e diversos recados para o ministro, direto da Assembleia Legislativa de SP

Categorias
DestaquesDiário da Alesp
AfrikaansArabicChinese (Simplified)EnglishFrenchGermanItalianJapaneseKoreanPortugueseRussianSpanish