Rastro Vermelho na praça e nas ruas

Ergueram-se as vozes por liberdade e direitos

Iniciativas como o espetáculo político/teatral “Rastro Vermelho” grupo teatral Estudo de Cena, precisam ser incentivadas, multiplicadas… Atividades em espaços públicos como essa, renovam as energias e reavivam a esperança.

Inspirados no Teatro do Oprimido de Augusto Boal o grupo, composto por aproximadamente 20 atores, com muita música, declamação de poesias, performances em praça pública, ganhou as ruas para denunciar o momento que estamos vivendo, reavivar a memória de lutas e reforçar a a utopia de um mundo melhor.

Em cortejo da praça da Vila Buarque e pela Consolação, finalizando no teatro de Arena, chamaram a atenção de maneira simbólica, para a dinâmica e força da natureza, da vida e de elementos que a constituem: ar, fogo, água, terra, onde se travam as lutas, ressaltando a importância do chão em que se pisa e da memória como fio condutor  da vida, em constante movimento.

“Eu canto a aurora… A ruína é progressiva, em nosso caminho um labirinto de pedras, só a solidariedade pode abrir caminhos. Sem a nossa imaginação nunca chegaremos ao lugar esperado. Ficaremos aprisionados nas muralhas de pedra que nos trazem sinais da morte. Estamos na ponta da rua, estamos vendo a rua se fechar, enxergamos a fumaça da pólvora, a corneta bradar… Eu vi Antônio Conselheiro no sertão que o mundo esqueceu, cercado de tanta polícia, Canudos não se rendeu… Cercado de tanta polícia, fascistas não passarão…”

“A gente busca raiz de quem tem brilho no olhar, olha o jardim onde está o sol, ver a memória, ver a semente do que está por vir, esta terra será de toda gente, de muita luz e de sol…”.

No teatro de Arena foi entregue a Cecília Boal, uma caixa com cápsulas de sonhos para daqui a cem anos. Sob a mística daquele teatro de tantas resistências, ergueram-se as vozes por liberdade e por direitos.

Categorias
ArteCultura PopularDestaquesTeatro
8 comentários:
  • Sérgio Nart
    15 julho 2019 at 5:37
    Comente

    Bela iniciativa

  • Luiz Carlos
    15 julho 2019 at 7:00
    Comente

    Maravilhoso. Vamos apoiar, gente.

  • MARIA APARECIDA GOMES MAIO
    15 julho 2019 at 7:23
    Comente

    Muito bom. O país está precisando disso, mais cultura e menos violência.

  • Irailda Maria da Silva Monteiro
    15 julho 2019 at 7:27
    Comente

    Muito significativo e importante nesse.momento de nosso país vozes qus e se erguem denunciando através da arte.Emocionanteee!

  • Juan
    15 julho 2019 at 7:27
    Comente

    E hora

  • MARIA APARECIDA TINOCO FERREIRA
    15 julho 2019 at 9:17
    Comente

    Estou emocionada, com arrepios por todo o corpo. Isso me faz um bem indescritível, me ajuda a acreditar na possibilidade de voltarmos a viver em um mundo melhor, com mais amor.

  • MariaLeticia Gomes
    15 julho 2019 at 9:32
    Comente

    Maravilhoso, minha geração agradece a força e garra dessa juventude disposta a lutar e engrandecer nosso país, em busca da democracia e direitos perdidos. Enchem nossos corações de orgulho. #LulaPresoPolitico #LulaInocente #LulaLivre

  • Otto
    15 julho 2019 at 9:43
    Comente

    Vivemos, talvez, um dos momentos mais tristes de nossa falsa democracia. Saímos de um período de euforia e desesperança com o desgoverno do PT e aliados. Fomos vilipendiados e agora pagamos o preço das histórias de falcatruas cometidas. NUNCA NESTE PAÍS VIMOS TANTO ROUBO. Hoje, como sempre depois de muita indignação, a maioria escolheu um “representante do oposto”. De fato, ninguém sabia direito quem era os bolsonaros. Até este momento, o que lemos e ouvimos das bobagens que dizem e escrevem, nos remetem a algo indefinido. Estamos confusos e sem um norte que nos leve a um porto seguro. A COMUNICAÇÃO É O QUE NOS DIFERE DOS IRRACIONAIS. Uma das premissas do processo de comunicação é…Quando não temos algo a dizer que edifique ou construa mensagens positivas devemos nos calar. O SILÊNCIO É A MELHOR COMUNICAÇÃO.

  • Deixe uma resposta