França: Direitos sociais dos estudantes assegurados em meio ao COD 19

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

Na segunda, dia 4 de maio, o governo francês anunciou um auxílio de 200 euros (cerca de 1200 reais) para os estudantes em situação precária com menos de 25 anos, incluindo os jovens estrangeiros que não podem voltar às suas casas. Serão 800 000 beneficiados. 

Vales alimentação já foram disponibilizados para os estudantes, com um valor de 100 euros (cerca de 600 reais) para o mês de maio. Os estudantes estrangeiros também foram beneficiados.   

Vale alimentação de 100 euros disponibilizado pelo governo francês

Para os jovens sem acesso à internet, mas que precisam terminar o semestre, foi oferecida uma ajuda pelo celular, em que as universidades irão colocar crédito específico para internet no celular dos estudantes. 

Com relação à moradia, um auxílio também está sendo oferecido aos que pedem, já que não é possível trabalhar, nem estagiar. 

As universidades continuam oferecendo boletins sobre livros para se ler na quarentena, o que assistir, e também perguntam aos alunos, especialmente aos estrangeiros, o que estão fazendo em Paris durante esse tempo. 

No caso da minha faculdade, um mural online foi criado, onde temos questões fixas como: qual a sua playlist da quarentena? O que está fazendo para passar o tempo? Assim como questões mais psicológicas: o que mais sente falta nesse momento? 

Alguns locais específicos, como Ville Universitaire, que é como um aglomerado de residências universitárias para estudantes de mestrado, doutorado de diversos países, estão oferecendo atividades físicas online, como aulas de yoga.  

As universidades também estão oferecendo auxílio psicológico, e as enfermarias estão funcionando online, já que recebemos e-mails das enfermeiras perguntando como estamos, e se precisamos de algo temos acesso à médicos, desde gerais até nutricionistas, mesmo que tenham montado e enviado um cardápio com o que precisamos comer durante a quarentena. 

Tendo em conta tudo o que está sendo ofertado pelo governo francês aos estudantes, acredito que a França está cuidando bem do seu futuro.

COMENTÁRIOS

POSTS RELACIONADOS

>