Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

No último sábado (16/04), mais de trinta blocos de carnaval uniram suas baterias, fantasias, purpurinas e cantos pela democracia e contra o impeachment da presidente Dilma. A concentração aconteceu por volta das 15h na Praça do Patriarca, centro de São Paulo. O ato percorreu até o metrô República, onde os manifestantes realizaram um catracaço com gritos de “não vai ter golpe” animados pelos sons de tambores, percorrendo as estações da linha amarela com destino ao Largo Batata.
No local, os blocos subiram no palco onde acontece desde domingo (10/04) um festival que reúne apresentações de artistas e músicos contra o golpe. Durante o canto da marchinha que mobilizou o carnavato, os prédios ao redor recebiam projeções com frases “nem coxinha nem filé”, “democracia” e “golpe nunca mais”.

COMENTÁRIOS

POSTS RELACIONADOS

Para discutirmos a volta às aulas

A artigo de Joana Monteleone, levanta uma série de questões que precisam ser pensados com urgência pelo campo progressista para a volta às aulas

>