Querido Lula, cartas que emocionam

A cada palavra se transcreve o amor entre Lula, a liberdade e o povo brasileiro.

 
Na era digital, cartas escritas à mão tornaram-se a principal forma dos brasileiros se comunicarem com o presidente Lula. São cartas curtas e objetivas em que pessoas de todo País expressam um sentimento de abraço, de um carinho ou simplesmente um gesto de solidariedade ao maior líder, e agora preso político, da história do Brasil.
Na cidade de Belo Horizonte, uma nova experiência construída pelo Coletivo Alvorada, Frente Brasil Popular e diversos movimentos e militantes da cultura garantem este diálogo de Lula com o povo. Todos os dias no centro de Belo Horizonte os movimentos se revesam disponibilizando papel e caneta para a população escrever as cartas.
“Querido Lula, não se sinta só, também estou triste, estamos com você e sentimos saudades do seu governo. Não te conheço pessoalmente, mas lembre que estaremos sempre te apoiando, você melhorou minha vida …” Trecho de uma das cartas transcrita a pedido de uma senhora que passava pela tenda.
As cartas que chegam à Superintendência da Polícia Federal, em Curitiba, são de pessoas comuns, crianças, pedreiros, comerciantes, agricultores, cozinheiras, jornalistas, ativistas, atores e até de governadores que registram suas indignações. Em essência, a História repete o que já aconteceu com outros líderes pacifistas dos direitos humanos como Mandela e Martin Luther King, entre outros.
Lula não é mais um sujeito, mas uma “ideia”, como ele mesmo já falou. Tornou-se também um mito quando, por meio de políticas sociais, tirou mais de 30 milhões de brasileiros da pobreza. Por esses motivos, o “mito, ‘o cara’ ou a ideia” comove pessoas de todo Planeta e ainda instiga a velha forma de se comunicar, mesmo em um mundo totalmente globalizado.
Por: Franci Brito e Leonardo Koury | Jornalistas Livres
Fotografia: Vanessa Reis, Andrea Castello Branco e Helder de Paula
Categorias
Belo HorizonteCartas para LulaDireitos HumanosHistória do BrasilLulaMinas Gerais
2 comentários:
  • LOLITA
    15 abril 2018 at 8:30
    Comente

    Quem estiver em Curitiba ou região, visite o acampamento. Se tiver cadeiras de praia ou banquinhos e mesas transportáveis que possa disponibilizar, é de grande ajuda.

  • ADEMIR DE SOUZA
    15 abril 2018 at 16:25
    Comente

    Caro Presidente Lula:
    Estamos aqui firmes na luta pela sua e pela nossa liberdade, visto que, após tudo o que aconteceu com você, certamente, qualquer dia acontecerá como outros (qualquer um) também.
    Não preciso falar tudo que você fez por mim, minha familia, e pelos brasileiros.
    Essa história já está escrita e ninguem poderá apagá-la.
    Mas Presidente:
    Você sabe que o que está acontecendo tem nome: chama-se vingança. Quem mandou você falar que no STJ e no STF todos estão acovardados?
    Não importa se o triplex é seu. Não importa se o sitio é seu. Isso não vem ao caso!
    O que importa é que eles se vingaram.
    Presidente: a saída é pelo Poder Legislativo. Não podemos admitir a Suprema Corte (de onde não se recorre) estar dividida. E como sabemos, embora ainda tenhamos poucos garantistas da CF, não teremos , se não avançar na luta, representantes do povo no STF e em outras esferas do Poder.
    O Congresso tem que acrescentar ao famigerado inciso LVII do artigo 5º da Constituição que a pena se cumprirá após passar pelo STF. E ponto.
    E se vierem com a conversa de que esperar até o fim dos recursos virá a prescrição é simples: Impetrado qualquer Recurso (todos sem distinção, Especial, Extraordinário, Reclamação, Habeas Corpus, Agravo, Agravo Regimental, Agravo do Agravo, Embargos de Declaração, Infringentes ou embargo dos embargos, não importa qual denominação tenham), o mesmo prazo dessa duração será acrescentado para a contagem da prescrição.
    E o PT tem que encampar essa luta, não importa o que vão dizer. Vai perder voto? Que voto teremos nesta eleição, Presidente? Ainda não conseguiram, mas tentam transformar petistas em bandidos. E estamos diminuindo a cada eleição.
    E se os outros partidos não perceberam ainda, amanhã será contra eles também. Está em franco andamento a negação da política. E isso não vale só para o PT, vale para todos! E essa massa está crescendo sob o comando da grande mídia e da extrema direita que avança a passos largos no mundo.
    Se não agirmos, muito em breve será tarde.
    Grande Abraço meu, nosso querido Presidente Lula.
    Um brasileiro petista!

  • Deixe uma resposta

    AfrikaansArabicChinese (Simplified)EnglishFrenchGermanItalianJapaneseKoreanPortugueseRussianSpanish