A decadência do jornalismo no Roda Viva com Manuela D`Ávila

A bancada de entrevistadores deu um show de velhos preconceitos contra a esquerda e os comunistas para a impedir de atacar o golpe e as mazelas por qual passamos hoje.

Do Twitter dos Jornalistas Livres: “A bancada de entrevistadores de deu um show de velhos preconceitos contra a esquerda e os comunistas para a impedir de atacar o golpe e as mazelas por qual passamos hoje. E a pergunta final sobre socialismo ser meio ou o fim? Q clichê, gente!”

A decadência do jornalismo no Roda Viva com Manuela D`Ávila

Por Luis Antônio Albiero

Que decadência do jornalismo no Brasil, ao menos tomando por base os jornalistas do Roda Viva que acabaram de entrevistar Manuela D”Ávila. Insistiram para que ela falasse sobre Stálin, sobre Lula, e nada sobre seu próprio programa de governo.

Aliás, por mais de uma vez desdenharam da candidatura dela, externando suas suposições de que não seja para valer.

Chegaram a equiparar Manuela ao MBL na expressão de ódio, apenas porque ela os teria chamado de mentirosos. Contrapor a verdade a uma mentira agora virou manifestação de ódio.

Outro insistiu em que há provas contra Lula.

Outra mencionou que a sentença de Moro teria sido confirmada na segunda instância “e nas instâncias superiores”. Ué! Já houve julgamento pelo STJ e STF e ninguém me avisou?

Categorias
Destaques
Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

AfrikaansArabicChinese (Simplified)EnglishFrenchGermanItalianJapaneseKoreanPortugueseRussianSpanish