Presidente da Câmara dos Deputados acaba de anular sessão de votação da admissibilidade do processo de impeachment

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O presidente em exercício na Câmara dos Deputados, dep. Waldir Maranhão, acaba de anular a sessão de votação do impeachment da presidente Dilma, aquela realizada no dia 17 de abril, com base na punição do STF à Cunha.
A intenção dele é reabrir um novo processo de impeachment, desta vez incluindo o vice-presidente Michel Temer.
Presidente da Câmara em exercício Waldir Maranhao acaba de anular a sessão q autorizou o impeachment. E convocou nova. Veja nota oficial:

Presidente em exercício da Câmara, o deputado Waldir Maranhão (PMDB-MA) acaba de anular a sessão que autorizou o impeachment na Casa, realizada no dia 17 de abril; o parlamentar atendeu a um pedido da Advocacia-Geral da União (AGU), apresentada pelo ministro José Eduardo Cardozo, e convocou uma nova sessão, a acontecer daqui cinco sessões; entre os pontos alegados pela AGU estão o de que na votação de impeachment não cabe antecipar votos e nem orientação de bancadas; decisão já foi informada ao Senado
9 DE MAIO DE 2016 ÀS 11:54

Aqui vocês podem ler o pronunciamento público de Waldir Maranhão

nota-1

nota-2

COMENTÁRIOS

  • Sou simples leitora mas pela democracia. Ater que em fim, uma decisão justa e correta, pois queles que iam julgar a Presidente não são limpos.
    como pode aceitarem que criminosos, traficantes e outros julguem nossa presidente que ela não cometeu crimes? Isto era totalmente absurdo e vergonhoso para nosso país.
    No exterior onde tenho família e muitos amigos, sei que estão rindo do Brasil…Dizem que pena, um país tão bonito, um verdadeiro cartão postal e tantas irregularidades na política…

  • POSTS RELACIONADOS

    >