Mais uma noite de prisões arbitrárias do 41º Batalhão da Polícia Militar do Barreiro (Belo Horizonte-MG)

Coordenadora do Movimento de Luta nos Bairros é presa injustamente em Belo Horizonte

Na noite de hoje, 22, três jovens que são moradores da ocupação da Eliana Silva situado no Barreiro, foram levados pela polícia militar de dentro das próprias casas, sem justificativas.

Depois de espancados, foram levados para a UPA do Barreiro sem nenhuma informação para as famílias e nem para as pessoas do movimento que tentaram acompanhar o caso.

Ao chegar na UPA, mais repressão por parte da PMMG que, injustamente, prenderam a coordenadora do Movimento de Luta nos Bairros Poliana Souza, que tentava descobrir maiores informações sobre as condições físicas dos meninos e o motivo das prisões.

Também foi jogado gás de pimenta nos demais militantes do MLB – Minas Gerais que presentes no local, atingindo outras pessoas que também estavam dentro da UPA.

O advogado de defesa está sendo negado de entrar em contato com seus clientes, o que é um ato ilegal e inconstitucional.

Categorias
Belo HorizonteDestaquesMovimentos Sociais
Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta