A Comunidade Jongo Dito pede ajuda para o replantio nas áreas afetadas pelo incêndio

O auxílio pode ser feito por meio da doação de mudas ou na participação do mutirão de plantio

Agricultura quilombola desenvolvida na Casa de Cultura Fazenda Roseira que foi destruída pelo incêndio Foto: Fabiana Ribeiro

Agricultura quilombola desenvolvida na Casa de Cultura Fazenda Roseira que foi destruída pelo incêndio
Foto: Fabiana Ribeiro

… “Mato seco pegou fogo
Mamoeiro ficou de pé, mamoeiro ficou de pé
Se é fogo morro acima
Ou tu fica ou dá no pé, se é mamoeiro fica em pé
Se é água morro abaixo
Ou tu fica ou dá no pé, se é mamoeiro fica em pé ”…

(Ponto de jongo da Comunidade Dito Ribeiro, Campinas)

Resistir, persistir, prosseguir e unir para que todos e todas façam aquilo que uma única pessoa não consegue fazer sozinha, assim é a Comunidade Jongo Dito Ribeiro, guardiões do legado do Jongo do Sudeste  que é patrimônio imaterial da cidade de Campinas (SP).

A Comunidade Jongo Dito Ribeiro está fazendo uma campanha para a doação de mudas de diversas espécies, e promoverá nos dias 1  e 2 de setembro um mutirão  para replantio nas áreas que foram destruídas pelo incêndio no mês de junho,  no  local  ocupado pela Casa de Cultura Fazenda Roseira.

A Casa de Cultura Fazenda Roseira é gestada pela comunidade e abriga  inúmeras ações culturais e educativas promovidas pela comunidade. As ações que tem como eixos a cultura, a história, a mitologia e o meio ambiente em uma perspectiva afro-brasileira, no local funciona também o Centro de Referência dos Jongueiros e Jongueiras do Sudeste.

Esse rico patrimônio foi ameaçado no final de junho (26) por um incêndio que consumiu parte da APP (Área de Preservação Permanente), quase toda da plantação da comunidade e por pouco não atingiu um dos casarões do complexo da Casa de Cultura Fazenda Roseira. A comunidade desenvolve a agricultura quilombola no local, que é uma prática baseada nos saberes e  fazeres da cultura de matriz africana, respeitando o tempo de produção de cada cultivo,  não se utiliza  nenhum tipo de agrotóxico para controle da vegetação espontânea e nem para o controle de pragas.

O prejuízo causado pelo incêndio foi grande,  a plantação de legumes, de feijão, a horta  e as árvores frutíferas foram destruídas em quase sua totalidade, restando algumas bananeiras e um mamoeiro. Apesar de controlado, o incêndio iniciado no entorno da Casa de Cultura demonstrou a vulnerabilidade do local , segundo Bianca Lúcia Lopes, coordenadora geral da casa. “ Não temos cerca, não temos segurança . Se fosse durante a noite, o fogo teria atingido a casa” declarou. O alambrado que cercava a Casa de Cultura Fazenda Roseira  foi roubado meses atrás.

Para a ação restauro do plantio, a Comunidade Jongo Dito Ribeiro precisa e conta com voluntários para a doação de mudas (preferencialmente) ou sementes  de diversas espécies de hortaliças,  ervas, legumes e frutas ( lista completa no final da matéria). A colaboração também pode ser realizada por meio da doação de mudas de primaveras que serão utilizadas para o cercamento da área pertencente a Casa de Cultura Fazenda Roseira. Os voluntários também poderão ajudar na atividade de plantio das áreas, ou com doação de gansos para servirem  de alerta a invasores e auxiliarem na segurança do espaço ocupado pela casa de Cultura Roseira.

Os gansos são aves consideradas territorialistas, característica que faz com que o animal não responda com tanta facilidade a estímulos que podem torná-lo dócil. Dessa forma, são altamente utilizados para fazer a segurança de locais diversos.

O quê doar?

100 –  Mudas de Primavera – Urgente/ para o cercamento

Mudas de Hortaliças – Replantio 

100 –  Alface

100 –  Rúcula

100 –  Chicória

100 –  Couve

100 –  Agrião

100 –  Cebolinha

50 –  Salsinha

50 –  Salsão

50 –  Coentro

50 –  Mostarda

Ervas – Replantio

50 –  Alecrim

50 –  Orégano

50 –  Arruda

50 –  Manjerona

50 –  Manjericão

50 –  Alfazema

50 –  Hortelã

50 –  Colônia

50 –  Poejo

50 –  Cidreira

50 –  Erva Doce

50 –  Cana Do Brejo

50 –  Quebra Pedra

Legumes e Frutas – Replantio

50 –  Tomate

50 –  Chuchu

100 –  Bulbos Inhame

100 –  Bulbos Cará

100 –  Manivas de Mandioca

30 – Abacaxi

30-  Limão

30 – Laranja

30 – Jabuticaba

100 –  Mudas de Banana

30 –  Acerola

10 –  Gansos para Preservação da área

Como doar?

As doações poderão ser levadas  diretamente na  Casa de Cultura Fazenda Roseira ( Rua Domingos Haddad, s/nº – Residencial Parque da Fazenda – Campinas SP – de terça à sexta-feira das 10 às 17h ), mais informações e contato pelos telefones (19) Alessandra Ribeiro 19 99134 3922, Maira 19 99409 5247, ou ainda  pelos e-mails : [email protected] ou [email protected]

Formada em Comunicação Social pela Puc Campinas, Fabiana Ribeiro atua como fotojornalista para o Jornalistas Livres

Categorias
Agricultura FamiliarAgroecologiaCampinasCampinasCultura Popularmulheres negrasNegras e NegrosVoz das Periferias

Formada em Comunicação Social pela Puc Campinas, Fabiana Ribeiro atua como fotojornalista para o Jornalistas Livres
Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

AfrikaansArabicChinese (Simplified)EnglishFrenchGermanItalianJapaneseKoreanPortugueseRussianSpanish