Diário do Bolso: Caboclo saiu da CBF e o Tite ficou

O Caboclo, presidente da CBF, caiu.Pô, só porque o cara fica bêbado e tentou comer a secretária? Quem é que não faz essas coisas?

O ruim nisso daí é que o Caboclo já tinha me garantido que amanhã, logo depois do jogo contra o Paraguai, ia dar um pé na bunda do Tite e chamar o Renato Gaúcho, que é meu fã.

Diário do Bolso: Satanás sabota água santa do pastor

Diário, o meu amigo Romildo, mais conhecido como “pastor R.R.Soares”, foi internado com covid.
E isso é bem estranho, porque ele estava anunciando que a água “consagrada” por ele podia matar o coronavírus. Será que o Romildo só toma refrigerante?

Diário do Bolso: Cloroquito e a copa da morte

Cloroquito: símbolo de da insensatez bolsonarista na Copa América

Eu sou totalmente a favor. A Copa ia ser um treco muito útil pra afastar a atenção da CPI da Covid. Também ia ajudar a aumentar a terceira onda e evitar manifestação nas ruas. E ia dar a ideia de que no Brasil tá tudo normal.

Diário do Bolso: Salles está num mato sem cachorro

É que, na quarta-feira, a Polícia Federal deu uma batida nas casas e nos escritórios dele em Brasília e São Paulo.

E por quê? Só porque suspeitam que o Salles teria feito um favorzinho pros madeireiros e afrouxado as regras para a exportação de madeira. E, por conta desse favorzinho ele pode ter recebido uns milhõezinhos aí.

Diário do Bolso: multado pelo gordinho comunista

No Maranhão xinguei o comunista do Flávio Dino de “gordinho ditador” e disse que ele era que nem aquele cara da Coreia do Sul (depois me avisaram que ele é da Coreia do Norte, mas tanto faz, que japonês é tudo igual).
Pra piorar, ao maranhudos me deram uma multa lá por não usar máscara e causar aglomeração. Multa ni mim? Que ousadia!