Carta de Ricardo Kotscho para Lula: “em lugar de sonhos, agora só temos pesadelos”

Eu simplesmente não me conformo de você continuar preso há mais de um ano, torturado até hoje pelo juiz que te condenou, e depois virou ministro deste inominável governo

Carta de Ricardo Kotscho para o presidente Lula

“Caro amigo Lula,

Há quanto tempo…

Bela ideia essa do site “Cartas pro Lula”.

Sem condições de viajar a Curitiba pra fazer uma visita, te escrevi uma carta tempos atrás, mas não sei se chegou até você.

Essa aqui tenho certeza que vai chegar. O carteiro é de confiança…

Não tenho nada de bom pra te contar, como você deve estar careca de saber, embora ainda tenha mais cabelos do que eu…

Em resumo, “a coisa aqui tá preta”, como cantava o Chico, naqueles tempos da outra ditadura.

Eu simplesmente não me conformo de você continuar preso há mais de um ano, torturado até hoje pelo juiz que te condenou, e depois virou ministro deste inominável governo.

Eles não querem só acabar com você, mas com a tua família inteira, os teus amigos, o teu partido, os muitos legados que teu governo deixou, a tua história, a memória da nossa geração, que reconquistou nas ruas a democracia, agora novamente ameaçada.

E, neste sina macabra, estão acabando com o país.

Desde a última vez que te encontrei no sindicato, no ano passado, na véspera da tua prisão, tudo piorou cá fora, o país está dismilinguindo, sem que haja uma reação, como se tudo isso fosse o “novo normal”, e a tua inacreditável e injusta prisão já fizesse parte da paisagem de Curitiba.

Em lugar de sonhos, agora só temos pesadelos. Estão destruindo uma a uma todas as conquistas sociais do teu governo, como se tivéssemos sido invadidos por uma potência estrangeira.

Pelo que me conta o Frei Chico, com quem continuo almoçando de vez em quando, no velho Sujinho (lembra do bistecão?), tua saúde está boa, você está firme e forte aí na cadeia, com uma visão mais clara e lúcida do país do que nós, enfrentando com muita dignidade este calvário.

Estamos vivendo um pesadelo sem fim, que virou realidade à luz do dia, e ninguém sabe o que fazer, diante desse verdadeiro massacre contra os brasileiros.

É triste, mas preciso te dizer que “nosso petezinho”, como você falava, parece completamente perdido, agora batendo boca com aquele filho desvairado do capitão nas redes sociais.

Eu me lembro bem, no começo desta nossa amizade, já de 40 anos atrás.

Durante as greves dos metalúrgicos, os jornalistas me perguntavam “quem está fazendo a cabeça desse Lula?”, como se você precisasse de um Olavo de Carvalho para se orientar.

Especulavam sobre vários nomes, mas eu procurava explicar a eles que não havia nada disso, não tinha ninguém por trás do Lula, pois acontecia exatamente o contrário.

Era você quem “fazia a cabeça”, não só da peãozada, mas dos “luas pretas” da academia e da velha esquerda que te procuravam no sindicato, quando esta história começou, lá no final dos anos 70 do século passado.

Pois é isso, mais do que nunca, que está nos fazendo muita falta agora: um Lula.

Não temos mais lideranças capazes de nos mostrar um horizonte e alimentar esperanças no futuro, sem o que, ninguém consegue sobreviver.

Chegamos ao limite: vivemos num país sem governo e sem oposição.

Em momentos difíceis, nas campanhas e no governo, era sempre você quem procurava animar a tropa, acalmar os afobados, apontar caminhos para superar as crises.

Os nossos amigos comuns que conseguiram te visitar, todos eles, como o Frei Betto, me relatam que saem da tua cela mais fortalecidos, dispostos a lutar e vencer os obstáculos do que quando chegaram.

Você sempre inverteu a ordem das coisas. Mesmo quando estava se tratando do câncer na laringe, em vez de reclamar do destino, só se interessava em saber dos amigos que estavam com problemas de saúde.

Perguntava pela família de quem te visitava no hospital e por onde andavam nossos companheiros que sumiram na poeira, muitos deles chamados de corruptos e passando dificuldades.

Os outros sempre foram mais importantes nas tuas conversas, e por aí se entenda, não só os mais próximos, mas os milhões que você conseguiu conquistar na tua longa trajetória por um Brasil mais justo, menos desigual, mais humano _ tudo ao contrário do que estamos assistindo agora.

É só assistindo mesmo, porque ninguém faz nada, nem eu, além de escrever todo dia no meu blog, sobre as desgraças cotidianas produzidas pelos inquilinos aloprados do Palácio do Planalto.

Parece que estamos assistindo a um filme rodando ao contrário, voltando no tempo, até a época em que nos conhecemos nos estertores da ditadura militar.

Voltaram até os mesmos discursos da lei e da ordem, contra a corrupção, contra o “comunismo”, contra a “subversão” dos vermelhos.

Para você ter uma ideia do flagelo que vivemos aqui fora, tenho notado que as pessoas estão evitando usar roupas vermelhas com medo de serem agredidas na rua pelos trogloditas da nova ordem em marcha.

Precisamos um dia conversar pessoalmente sobre o que mudou na minha vida nestes últimos tempos, a cada dia uma nova agonia.

Estou com dificuldade para andar até o mercado da esquina, a dois quarteirões daqui. O corpo todo dói. Por isso, mal tenho saído de casa.

Sinto falta de te ouvir quando não sei mais o que devo fazer para voltar a brincar com os outros e dar risadas por besteiras, tirando sarro uns dos outros, a grande diversão nas folgas que a gente tinha no governo.

Jamais imaginei que tudo isso pudesse acontecer com a gente, avançando nos 70 anos com problemas até para sobreviver.

Pior de tudo, eu sei, é perder a liberdade.

Só não podemos agora perder o bom humor, a alegria de viver, a esperança nos dias de amanhã.

Pelo menos, temos histórias pra contar aos amigos. Já fizemos muitas coisas boas juntos na vida das quais só tenho orgulho.

Não será fácil, nada nunca foi fácil, você sabe.

Aguenta firme aí! Até breve!

Um abraço bem apertado, amigo, com um tapão na cabeça, como você sempre fazia…

Ricardo Kotscho”

RICARDO KOTSCHO- É Jornalista com passagens pelos principais veículos de comunicação do país, foi assessor de imprensa de Lula em três campanhas e na Presidência da República.

Categorias
Cartas para LulaDestaquesLula Livre
12 comentários:
  • Oliza
    16 abril 2019 at 21:56
    Comente

    Triste, triste, triste o que estão fazendo com o Lula e com o Brasil. Um bando de arrogantes imbecis dando as cartas, todas marcadas, com um único objetivo: desconstruir tudo que se fez de bom até agora… Sinto mesmo a falta de uma gde liderança no PT.

  • Camargo
    16 abril 2019 at 23:42
    Comente

    Vocês tem mesmo muitas historias para contar. Principalmente se contarem sobre a roubalheira que o PT roubou e proporcionou roubar. Ladrão não é preso politico.
    Triplex, sitiu de Atibaia, apartamento de São Beenardo. Estes são esquema qie não colou e os outros que deram certo.
    E a fortina deixada pela D. Marisa de onde veio?

  • Rosane Schonfeldt
    17 abril 2019 at 0:30
    Comente

    Meu Deus não acredito no q acabei de ler esse cara é mais louco q já vi ,completamente fora da realidade

  • Nidia Nobrega
    17 abril 2019 at 7:28
    Comente

    Ricardo koscho é um exemplo de jornalista, cidadão, amigo, militante. Sua lealdade comove e inspira.b Ele disse o que eu diria. A masmorra de Lula também me adoece, trava e doi. E difícil não ter medo, sentir insegurança, frustração e perda. Lula é humanamente indispensável nesse momento de nossas vidas. #LULALIVRE#BRASILDEMICRATICO.

  • Joaquim
    17 abril 2019 at 7:48
    Comente

    Pesadelos pra vcs militantes,pra nós liberdade, igualdade sem roubalheira,sem propina, só não enxerga quem não quer….

  • Sergio
    17 abril 2019 at 10:37
    Comente

    GRANDE VERDADE, EAD CONTINUAR ESSE PESADELO POR UNS 50 ANOS, SEUS COMUNISTAS BANDIDOS, VOCÊ CHORA DESSE LADRÃO ESTÁ PRESO, PORQUE VOCÊ CERTAMENTE OUTRO CANALHA IGUAL ELE.
    TODOS OS BRASILEIROS QUE TEM VERGONHA NA CARA, ESTÁ MUITO FELIZ COM A PRESSÃO DESSE VAGABUNDO. VIVA SÉRGIO MORO, NOSSO HERÓI BRASILEIRO.

  • Samucas
    17 abril 2019 at 12:47
    Comente

    Vai jogar truco o titio, ou bingo, vcs do PT não quer o Otario solto, o que de verdade fez a cabeça desse tonto aceitar que é um martire político preso; alguém tem que pensar aqui fora, bom ele já aceitou que cometeu corrupção, então vc devia escrever carta na central do Brasil o Lula tá ocupado tentando fazer um túnel para sair do xilindro.

  • Maria Francisca de Carvalho Matos
    17 abril 2019 at 13:41
    Comente

    Um dia deve cair a ficha na cabeça desses insanos! Não é possível! O que precisa mais acontecer prá eles enxergarre a besteira que fizeram colocando truculento bestial no poder com toda sua corja?

  • Maria
    17 abril 2019 at 14:19
    Comente

    Concordo plenamente com tudo que foi dito. Rogo a Deus que dê forças e sabedoria ao amado Lula. Deus no comando!!!

  • 17 abril 2019 at 17:02
    Comente

    Tem um sentimento maior que inveja ? Então foi isso que derrubou meu eterno presidente

  • MariaLeticia Gomes
    17 abril 2019 at 17:29
    Comente

    Você conseguiu expressar em palavras toda a dor que sentimos diante das injustiças e barbárie que tomaram conta do nosso país. Sinto muito e me causa uma revolta muito grande, saber que o presidente Lula, não precisava estar nesse sofrimento, mas está por pensar em nós o povo brasileiro, e tentar nos defender dessa corja imperialista que infesta todas as instituições e cabeças ocas que acreditam em qualquer coisa que a mídia e os aloprados de plantão falam, sem ao menos se darem uma chance de questionar. Pobre Brasil. Lula amado você nunca será abandonado, obrigada por tudo que fez pelo nosso povo. O Brasil que PENSA te ama Presidente Lula.

  • nidia nobrega
    19 abril 2019 at 14:21
    Comente

    Todo brasileiro consciente sabe que a prisão de Lula, de forma indireta,provoca nossa detenção moral, emocional,afetiva e política.Somos todos prisioneiros da mesma injustiça.

  • Deixe uma resposta

    AfrikaansArabicChinese (Simplified)EnglishFrenchGermanItalianJapaneseKoreanPortugueseRussianSpanish