Moradia

  • O grito de Izidora ecoou nesta manhã em BH

    Era cedo, mas o sol já batia forte. Na marcha pelas ruas, fogos, música e palavras de ordem: “com luta, com garra, a casa sai na marra”. Os moradores das Ocupações do Izidora não pedem apenas por moradia, mas por educação e saúde também. Cerca de 600 pessoas caminham...
  • Diversidade presente nas ocupações

    Sexta-feira, 22 de maio: uma vez mais, acompanhamos o MTST (Movimento dos Trabalhadores Sem Teto) em uma ocupação de terra, desta vez em Mauá, cidade região do ABC, na Grande São Paulo. Eram aproximadamente 350 pessoas em busca de seu sonho da casa própria. Cinco ônibus e 12 carros,...
  • A casa caiu

    Reintegração de posse em edifício na rua José Bonifácio acontece nesta madrugada e famílias não têm para onde ir por Paula Morais com fotos de Lincon K. e Márcia Zoet para os Jornalistas Livres Caixas e sacos plásticos guardavam os utensílios dos que ainda permaneciam na ocupação na rua...
  • O dilema das ZEIS

    O Plano Diretor Estratégico (PDE), aprovado em julho de 2014 e que orienta as mudanças urbanas na cidade, definiu diversas áreas para habitação social em todas as áreas de São Paulo. Mas várias delas não chegarão se quer a sair do papel. Entenda o dilema das Zonas Especiais de...
  • Morar no Refúgio

    Refugiados e Movimento de Moradia organizam Fórum para debater as dificuldades que enfrentam no país e procurar soluções conjuntas No último sábado, 30 de maio, o Grupo de Refugiados e Imigrantes Sem-Teto de São Paulo — GRISTS e o Movimento Sem-Teto do Centro — MSTC organizaram o 1º Fórum Morar no Refúgio. O...
  • Um tiro na Av. Rio Branco

    Domingo, 3 de maio de 2015. Uma final de campeonato toma conta de boa parte da atenção dos paulistanos. Na avenida Rio Branco, precisamente no número 47, não foi diferente. Moradores de uma ocupação da Frente de Luta por Moradia, humanos que são, também tinham seu foco na televisão....
  • Famílias denunciam ameaças durante as ocupações no Centro de SP

    O #AbrilVermelho da Frente de Luta por Moradia (FLM) teve seu início na madrugada do dia 13 de abril. Foram mais de dez ocupações somente naquela madrugada (confira a cobertura dos #JornalistasLivres). Na madrugada de 14 de abril algumas famílias que ocuparam um imóvel no Brás nos procuraram para...