Com fogo, Doria Jr. manda arrancar 50 famílias do centro de SP

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

A violência e a crueldade do prefeito João Doria não tem limites. Neste sábado, por volta das 5 da manhã, agentes da Guarda Civil Metropolitana, acompanhados pelo pessoal do Rapa, da PM e do Corpo de Bombeiros, levaram a cabo, sem qualquer aviso prévio, o despejo de 50 famílias ou 200 pessoas, muitas das quais mulheres, deficientes físicos, idosos e crianças, que viviam nos baixios do viaduto Julio de Mesquita Filho, no tradicional bairro do Bixiga.

“Eles não deram tempo nem pra gente pegar o material escolar das crianças. Roupas, documentos, alimentos, cobertores… foi tudo para o lixo”, diz a sem-teto Paula, auxiliar de limpeza e mãe de três crianças, todas matriculadas em escolas da região, há cinco anos vivendo embaixo do viaduto.

A situação piorou quando se iniciou um incêndio em um dos barracos. Segundo os moradores, foi ateado pelos agentes do Rapa. Iniciou-se uma correria desesperada. De um lado, os moradores tinham de se esquivar da polícia, de outro, fugiam do fogo, enquanto tentavam salvar algumas coisas.

Ainda segundo os moradores, muitas mães saíram com as crianças pela região com medo de perderem a guarda dos filhos, já que o Conselho Tutelar também apareceu para aterrorizar as famílias. O fogo foi controlado por volta das 8 horas da manhã, mas até as 17h, as famílias ainda estavam sem atendimento algum, jogadas como lixo nas calçadas.

Sem casa, sem abrigo, sem socorro.

Isso é a Cidade Linda de João Doria.

Esse é o prefeito cruel da maior cidade do país!

Os moradores, agora sem local pra ficar, pedem doações para que pelo menos consigam sobreviver.
?Panelas, copos, talheres;
?Comida: principalmente não perecíveis;
?Móveis: guarda-roupa, cômodas, mesas, cadeiras;
?Madeira para a construção de novas casas;
?Fraldas tamanho G;
?Roupas de criança;
?SAPATO DE CRIANÇA de 2 a 9 anos (as crianças estão descalças);
?Roupas de adulto;
?Sapatos de adulto;
?Mantas, colchões.

PONTOS DE COLETA
Teatro Oficina: Rua Jaceguai, 520 – Bela Vista, São Paulo – SP
AL JANIAH . Rua Rui Barbosa, 269 – Bela Vista, São Paulo – SP

Ponto de entrega: 

Teatro Oficina: rua Jaceguai, 520 – Bela Vista, São Paulo /SP

COMENTÁRIOS

  • O q deu nesse Prefeito ficou louco por que ele num da casa pra cada um .Prefeito devia ser preso.

  • O que este prefeito está aprontando? Primeiro ele tem que arranjar casa moradia pra estásestá pessoas. Expulsa-Mas assim é desumano. Bela casa Sr prefeito limpa na aparência com a sujeira embaixo do tapete. Bela gestão!!!!!!!!!

  • E é um monstro e canalha como este que a Globo e outros do mesmo nível ainda cogitam como um futuro candidato a Presidente. Lamentável!

  • É agindo deste jeito que ele que começar a carrecarreira política? Aí começou mal,deste jeito vai longe não

  • Muito bom!!! Finalmente uma mídia livre!!!
    Espero que continuem assim!!!
    Parabéns pelo canal de informações !!

  • Jornalistas livres, Vou juntar coisas aqui em casa e com uns amigos e queria saber se é só levar no Teatro Oficina ou tem que procurar por alguém por lá.

  • Esse monstro já provou que é um assassino. É assim que se limpa uma cidade? É um doido. Até quando a justiça vai permitir que essas bizarrices continuem acontecendo? Cuidado, prefeito! Não pense que você está protegido 24h pelos teus capangas. Cada um colhe o que planta.

  • Bem feito!!!! Vota do Doria dinovo. Assista Cidade Alerta do Bati saco, assista Brasil Urgente do Datena, mais tarde, assista polícia 24 horas. Porque tudo isso que aconteceu foi culpa desses caras aí. Essas mesmas pessoas chamam de “herói”. E cuidado para não votar em Bostonaro este ano. Pessoal, cuidado !!!!

  • POSTS RELACIONADOS

    >