Mais recentes: Artigo

  • O CUSTO DA NEGAÇÃO DA POLÍTICA

    Alexandre Santos de Moraes, professor do Departamento de História e do Programa de Pós-graduação em História da Universidade Federal Fluminense. [email protected] As eleições de 2018 fizeram vitoriosos candidatos que negavam a política. Como tudo (ou quase tudo) é política, a própria negação é uma tática política. Não é fenômeno...
  • A história do encontro de um presidente fake e um vírus real

    ARTIGO   Mateus Pereira, Mayra Marques e Valdei Araujo*   Cento e cinquenta dias se passaram, após um início recheado de perguntas: Como a pandemia afeta o destino das democracias liberais? Como as direitas, em especial, a extrema-direita e a Alt Right, estão lidando com a revalorização da ciência e...
  • alex flemming

    Desmatamento ameaça e pressiona áreas indígenas e de conservação em MT

    da reportagem Diário de Cuiabá Um estudo feito por seis organizações da sociedade civil alerta para o avanço do Arco do Desmatamento rumo ao coração da Amazônia Legal, região da qual Mato Grosso faz parte. A preocupação também é grande em relação à Bacia do Xingu e cresce diante...
  • Orgulho LGBT: coloridos demais para serem invisíveis

    Você já foi invisível? Mas invisível mesmo? Não estou falando daqueles momentos na vida em que gostaríamos de desaparecer e sim daqueles momentos em que mais gostaríamos de ser vistas. É desta invisibilidade que falo. Num jantar de família, num natal na casa dos pais, na festa do trabalho…...
  • Nós, olhamos você

    por Adelino Mendez Os A’wen (gente). Xavante. Nome que bastava para esmorecer a coragem dos homens mais valentes que ousavam compor as filas nas expedições de contato do SPI. Reconhecidamente o povo mais hostil a presença dos agentes do Estado até meados do século XX. Senhores absolutos dos vales...
  • Guarani

    A morte do direito do índio

    por Adelino Mendez Da Colônia à República, o Brasil sempre reconheceu o direito dos povos indígenas ocuparem seus territórios imemoriais. O Alvará Régio de 1680, a Lei de Terras de 1850 e a Lei de Terras dos Índios de 1928 (que regularizou a situação dos índios nascidos em território...
  • O BAIXO CLERO NO PODER

    ARTIGO Rodrigo Perez Oliveira, professor de Teoria da História na Universidade Federal da Bahia Dezoito de junho de 2020, o dia em que Fabrício Queiroz, o personagem mais folclórico da crônica política brasileira contemporânea, foi preso, alimentando toda a sorte de memes e piadinhas. O brasileiro tem capacidade única...
  • OPINIÃO: Plano do governo Doria para retomada das aulas é prematuro e sem base científica

    O plano para retomada das aulas presenciais na rede pública e privada de ensino no estado de São Paulo, anunciado pelo governador João Doria nesta quarta-feira (24/6), é prematuro, não tem base científica e pode representar um perigo real de recrudescimento da pandemia de Covid-19. São Paulo já é...
  • Bolsonaro contra o bolsonarismo

    ARTIGO Daniel Pinha, professor do Departamento de História da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) Na última semana assistimos à queda de dois personagens importantes da cena política brasileira. Na mesma quinta-feira, 18 de junho, Abraham Weintraub era demitido do Ministério da Educação e Fabrício Queiroz, amigo...
Social Widget
Social Widget