agro não é pop

  • O Brasil inventou o indigenismo neoliberal-ruralista

    por Ricardo Verdum* Independentemente do destino que a Funai vier a ter durante o governo de Jair Bolsonaro, um fato é certo: há pelo menos três anos as decisões políticas para os povos indígenas do País já estão diretamente ligadas aos interesses da aliança entre setores do agronegócio, da...
  • Produção e meios de produção indígenas

    É como se Elis Regina cantasse Dois Pra Lá, Dois Pra Cá, o falso brilhante a inebriar com falsas promessas, rompendo de vez os laços com a terra. A incrível imagem da semana, do fotógrafo indígena Kamikia Kisedje, no Pólo Wawi & aldeia Khĩkatxi do povo Khĩsetjê, TI Wawi-MT,...
  • O bem que se colhe e o mal que se planta

    Comi comida de índio e seu gosto era puro, de terra limpa. Indago se é a língua ou a mão do homem que colhe e planta entre a mata, fazendo da vontade a fome vencida, seu sabor. Algo rompeu o elo de corrente ou nó de corda, na necessidade...
  • Decolonize! Terra Brasilis: o agro não é pop

    Por Arthur Imbassahy para os Jornalistas Livres Na exposição Terra Brasilis: o Agro não é pop! de Denilson Baniwa, o artista apresenta a luta em um país cortado pelo colonialismo: o latifúndio em oposição aos povos indígenas que há séculos continuam resistindo e existindo apesar de todos os ataques....
Social Widget
Social Widget