UP LANÇA PRÉ CANDIDATURAS EM SÃO PAULO

Com informações do A Verdade

Na tarde de ontem (08), a Unidade Popular pelo Socialismo (UP) realizou o lançamento das pré-candidaturas do partido no estado de São Paulo. O evento aconteceu na quadra do Sindicato dos Bancários e contou com a presença de centenas de militantes e apoiadores.

O partido lançou as pré-candidaturas de Amanda Bispo (@amandabispo.up), trabalhadora e moradora da região do ABC paulista, em 2020 foi candidata a prefeita na cidade de Mauá, e Ligia Mendes (@ligiamendes_up), servidora pública da saúde na cidade de São Paulo, é moradora e trabalhadora da região da Zona Leste da cidade São Paulo, para deputadas estaduais. Isis Mustafa (@isismustafaup), que é estudante e secretária-geral da União Nacional dos Estudantes, para deputada federal e Vivian Mendes (@vivianmendes.oficial), que é fundadora e presidenta da Unidade Popular no Estado de São Paulo, militante pelo Direito à Memória, Verdade e Justiça e moradora da Zona Leste da cidade de São Paulo, para o senado.

Em novembro do ano passado a pré-candidatura de Leonardo Péricles já havia sido anunciada pela UP, como o único candidato negro a concorrer para a presidência, e também foi oficializada neste ato. No ato Péricles ressaltou a importância de se colocar como alternativa de esquerda “o povo quando vê nosso panfleto e eu falo que sou pré-candidato fala ‘finalmente tem alguma alternativa, não é só aqueles dois… tem outro'”.

O evento contou com a presença de Leonardo Péricles, pré-candidato à presidência pela UP e representantes de vários movimentos sociais, entre eles: Marcelo Buzetto do MST, Raimundo Bonfim da CMP, Adalberto Vieira Barbosa, assessor do deputado federal Alencar Braga, e Gabriel Colombo do PCB.

UP

A UPrecebeu registro do TSE em 2019 e afirma que é “o partido que teve mais candidaturas negras; Leo Péricles e Samara Martins, nosso presidente e nossa vice, são negros; centenas de filiados também são negros e nosso programa é construído e tem um profundo compromisso com as negras e negros trabalhadores desse país. A luta antirracista é parte fundamental da luta contra o capitalismo e é por isso que só a aliança que vale a pena é a com o povo trabalhador morador de periferia”.

COMENTÁRIOS

POSTS RELACIONADOS

>