EXCLUSIVO: Lindbergh fala sobre pedido de Impeachment de Temer

Em vídeo exclusivo, o senador fala de processo que deverá ser encaminhado nesta segunda-feira.

“Pessoal, estou gravando esse vídeo de Brasília aqui direto para os Jornalistas Livres, dizer o seguinte, olha: afastaram a Dilma sem que existisse crime de responsabilidade. Agora em seis meses, o Michel Temer já cometeu um crime de responsabilidade gravíssimo! Imagina! Ele está desmoralizando a instituição Presidência da República. Um presidente da república reunir o seu ministro da cultura pra pressionar, pra favorecer um grupo econômico, uma empreitera da Bahia. É um escândalo. Eu fico a pensar o que é que ele está fazendo em outros ministérios. O que tá fazendo com a questão do Pré-Sal, por exemplo, que envolve a Shell, as multinacionais do petróleo.

O fato é que ele cometeu um crime responsabilidade. Fez tráfico de influência. Se associou a Geddel e disse que a advogada geral da União já tinha a solução pronta.

Nós já estamos elaborando aqui o pedido do impeachment porque o fato é muito grave. O Gabriel que trabalhou na defesa da presidenta Dilma junto com Zé Eduardo Cardoso já está trabalhando com o pessoal da liderança do PT também pra construir esse pedido do impeachment. Vamos conversar com várias personalidades, vamos conversar com as entidades, os movimentos sociais, pra que a gente apresente na próxima segunda-feira esse pedido de impeachment do Michel Temer.

Vamos entrar também com infração penal comum. Porque você sabe que o presidente da república não pode ser investigado por fatos anteriores ao seu mandato, mas este não. É dentro do mandato. E dentro do Palácio do Planalto que foi onde houve a conversa dele com o ministro Calero. No caso dessa infração penal comum, ele seria julgado pelo Supremo Tribunal Federal.

E tem mais, pessoal. A gente tem que ir pra ofensiva agora porque o que a gente quer com isso aqui é impedir que essas reformas sejam aprovadas desse jeito. Principalmente essa PEC 55, que é um ataque violentíssimo contra a educação pública, a saúde pública. Então essa bandeira do impeachment, do afastamento do Temer, é uma bandeira importantíssima, volto a dizer. Inclusive pra dizer que o Senado Federal não tem condições de num momento de uma crise política como essa votar uma PEC tão danosa aos interesses do povo brasileiro.”

Categorias
GolpePolítica
Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta