Povo Kariri Xocó pede ajuda e solidariedade na luta pela suas terras

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

O governo interino de Michel Temer completa dois  meses de gestão marcado por incontáveis retrocessos  nas mais diversas  áreas. Com as políticas indigenistas não foi diferente. O conflito tem se acirrado entre fazendeiros e povos indígenas que continuam a lutar por suas terras. Muitas áreas identificadas e delimitadas pela Funai ( Fundação Nacional do Índio) como “terra tradicionalmente ocupada pelos povos indígenas”,  como preconiza a Constituição Federal,  são invadidas e tomadas ilegalmente por não indígenas.

Territórios já demarcados sofrem com a morosidade dos órgãos competentes na sua proteção.

Os indígenas Kariri Xocó em Alagoas, no município de Porto Real do Colégio,constantemente  tem  alertado  à situação de risco de sua Terra Indígena. No últimos dias eles sofreram a terceira reintegração de posse de áreas já demarcadas em favor de fazendeiros e posseiros.

A Rede de Apoio aos Kariri Xocó tem buscado auxiliar e contribuir na luta deste povo, pela garantia de políticas indigenistas de reconhecimento dos direitos indígenas. Entre suas ações  compartilhou um texto sobre o atual momento, no qual relata a luta dos Kariri Xocó e a indignação com a falta de justiça.

“ […] O povo Kariri Xocó continua na luta pelas terras já demarcadas. A justiça dos brancos e ricos é rápida para atender aos pedidos dos fazendeiros, mas lenta para reconhecer os direitos indígenas.

Os Kariri Xocó venceram na 12ª Vara Federal de Alagoas (Arapiraca), mas os fazendeiros recorreram para o Tribunal Regional Federal da 5ª Região (Recife).

Desde o dia 09/10/2014 o recurso encontra-se com o desembargador relator, mas até hoje não foi julgado. Mais de um ano e nove meses de espera! Na verdade há décadas. … há 500 anos. Entretanto, quando os fazendeiros entram com pedidos de reintegração de posse são atendidos em alguns dias!

Os fazendeiros que ocupam ilegalmente há mais de 10 anos o território indígena demarcado têm sido beneficiados por toda esta demora e ainda ganham ações pelo juiz regional de Arapiraca contra a ocupação dos indígenas em suas terras. Informações do Processo:

TRF 5ª Região – APELAÇÃO CÍVEL (AC575560-AL) – Terceira Turma – PROC. ORIGINÁRIO Nº: 200780010002947 – Justiça Federal – AL – 12ª Vara Federal da Seção de Alagoas (Arapiraca) – RELATOR: DESEMBARGADOR FEDERAL PAULO MACHADO CORDEIRO  […] […] É contra esta e outras injustiças que os Kariri Xocó estão neste momento em mobilização e luta, ocupando rodovias que passam por suas terras. […]”

No documento, a Rede de ajuda aos Kariri Xocó, pede apoio e solidariedade de todas e todos,  especialmente dos movimentos sociais e de direitos humanos, exige ações dos órgãos competentes para homologar e entregar o território demarcado  aos povos indígenas, que são considerados como  parte integrante das terras e também reivindica a imediata suspensão da liminar na ação de reintegração de posse, nº Proc. 0800476-23.2016.4.05.8001, da 12ª Vara Federal de Alagoas (Arapiraca) e o julgamento imediato do Processo Nº: 200780010002947 pelo TRF da 5ª Região.

Informa, ainda, os contatos dos indígenas Kariri Xocó, para os interessados em colaborar: Kajabi pelo fone/whatsapp (82) 998421951, Pawanã pelo fone/whatsapp (79) 988274841, e Tawana pelo fone/whatsapp (82) 99957-2339.

Hidalgo Romero  – Jornalistas Livres de Campinas

Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Jornalistas Livres

COMENTÁRIOS

POSTS RELACIONADOS

>