Vítima de racismo, gerente negro recebe a solidariedade dos colegas de loja

Mulher se recusa a entrar em loja de Governador Valadares que 'colocou um negro para tomar conta'
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

“Um casal de aproximadamente 60 anos chegou à loja e a senhora procurou pelo gerente. Eu, que estava na porta, me apresentei e perguntei o que precisavam. Ela no mesmo instante dá um sorriso, pega na mão do marido e fala: ‘É inadmissível uma loja tão grande como essa colocarem um negro para tomar conta. Em seguida, virou as costas e saiu’. Eu não tive reação, não falei nada mas fui para uma sala e chorei sim, de raiva, porque quem me conhece sabe que o ‘nego’ aqui rala demais e se dedica muito. O racista é doente da alma e do coração.”
O relato é de Bruno Mendes, gerente da loja Ponto Frio do GV Shopping de Governador Valadares, no Vale do Rio Doce, em Minas Gerais. Bruno, que havia assumido a função recentemente, foi visto chorando por colegas, que logo providenciaram uma manifestação de solidariedade. Confira no vídeo:

https://www.instagram.com/tv/CHrCTRXnOjn/?utm_source=ig_embed

COMENTÁRIOS

  • Racistas são Pessoas nojenta, desprovidos de Carácter, quando se é Idosos são piores ainda

  • POSTS RELACIONADOS

    >