Operação que matou 25 pessoas no Jacarezinho beneficia a milícia amiga de Bolsonaro

Operação policial, que já tem o maior numero de vítimas civis da história carioca, acontece um dia depois da visita de Bolsonaro ao governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro
Operação que matou 25 pessoas no Jacarezinho beneficia a Milícia amiga de Bolsonaro

Por Laura Capriglione

O fascista Jair Bolsonaro, amigo de milicianos, participou de reunião com o governador do Rio de Janeiro, Cláudio Castro, na tarde de ontem (quarta-feira, 5 de maio). Menos de 12 horas depois, aconteceu o pior massacre da História em uma favela do Rio de Janeiro, a de Jacarezinho, na zona Norte da cidade.

Pelo menos 25 pessoas morreram depois que a Polícia Civil do Rio montou uma verdadeira operação de guerra contra a população pobre do local, com direito a caveirões, tiros de fuzis disparados de helicópteros, e invasão de casas e barracos. Nem a estação de trem vizinha à favela, onde se encontravam trabalhadores que se dirigiam ao trabalho, escapou de ser atacada pelas forças policiais.

Não foi uma mera coincidência a visita de Bolsonaro e o ataque no Jacarezinho.

Cláudio Castro, cantor católico que se diz “evangelizador”, era vice-governador na chapa de Wilson Witzel, o ex-juiz assassino que pedia pra polícia “mirar na cabecinha” de traficantes. Filho de peixe, peixinho é. Com o impeachment de Witzel, no dia 30 de abril, semana passada, Cláudio Castro ganhou de presente o cargo máximo no Estado do Rio. E fez uma festa sangrenta na inauguração de seu governo.

Não foi mera coincidência

A Operação Exceptis, deflagrada pela Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), teve como pretexto o fato de que “traficantes vêm aliciando crianças e adolescentes para integrar a facção que domina o território, o CV (Comando Vermelho)”. Foi, segundo a polícia, para proteger as criancinhas que pelo menos 25 pessoas perderam a vida no dia de hoje e que as calçadas e ruas do Jacarezinho se mancharam de sangue. Muito sangue.

O argumento é uma vergonha!

Tem crianças aliciadas para vender drogas desde que existe tráfico (ou seja, desde sempre). E isso acontece em todas, repetimos, todas as cidades e quebradas do Brasil.

Acontece também nos extensos territórios controlados pelos milicianos amigos do fascista Bolsonaro. Aliás, no Rio de Janeiro, hoje, a maior parte da cidade é dominada pela Milícia, que já controla 25,5% dos bairros do Rio de Janeiro, em um total de 57,5% do território da cidade. As três principais facções criminosas do tráfico de drogas —Comando Vermelho, Terceiro Comando e Amigos dos Amigos— possuem juntas o domínio de outros 34,2% dos bairros, perfazendo meros 15,4% do território.

Mas, obviamente, nas áreas controladas pelos amigos de Bolsonaro, não acontecem chacinas como as que vitimam as comunidades controladas pelos grupos rivais dos milicianos.

Isso também não é coincidência

A milícia entrou na disputa por territórios com as facções tradicionais a partir dos anos 2000, enquanto Comando Vermelho, Terceiro Comando e Amigos dos Amigos já estavam formados desde a década de 1990. O rápido crescimento da milícia deve-se ao fato de ela contar com todo o aparato bélico do Estado, já que é composta principalmente por policiais e ex-policiais.

Para conquistar novos territórios, dizimar inimigos e aterrorizar a população local, basta elaborar uma desculpa esfarrapada qualquer (como essa, de que a Operação Exceptis era para proteger as criancinhas) e colocar as forças policiais e militares em ação.

Porque é preciso perguntar: quem ganha com a ação assassina em Jacarezinho? E a resposta, obviamente é: a Milícia ganha, o Comando Vermelho perde. Simples assim. Hoje foi no Jacarezinho, ontem foi na Maré, anteontem foi na Cidade de Deus e assim vai se ampliando o território controlado pela Milícia.


O Rio de Janeiro coleciona massacres contra sua população mais vulnerável. Tornou-se a Pátria do Genocídio negro. E isso ocorre totalmente à margem da lei. Mônica Cunha, coordenadora da Comissão de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), lembrou que a operação realizada hoje desrespeitou determinação do Supremo Tribunal Federal (STF) que suspendeu operações policiais em favelas do estado durante esse momento de pandemia. Mas, no Rio, vale tudo contra a população pobre e favelada.

Desde que não se contrariem os interesses da milícia amiga de Bolsonaro.

COMENTÁRIOS

  • BOA NOITE ! IMPRENSA VERGONHOSA ESSA DO BRASIL .PEÇO A DEUS QUE SEJA INSTALADO ART : 142 .SENDO COMBATEREMOS DUAS FRENTES JUDICARIO CORRUPTO ,E IMPRENSA MENTIROSA .

    TRISTE SIM UM AGENTE DE SEGURANÇA DO ESTADO RJ FOI ABATIDO .SEM MORREU BANDIDO FICO FELIZ .E TRISTE PELO POLICIAL ,QUEM DEFENDE BANDIDO E VICIADO EU QUE ESSES JORNALISTA TINHA DESCONTO NO TRAFICO .

    QUEM POUPA O LOBO ! SACRIFICA AS OVELHAS …

  • Em uma ação como essa, onde o alvo é traficantes, é fundamental um plano de ação onde vidas inocentes precisam ser preservadas, se foram poupadas essas vidas a operação está de parabéns.

  • O Rio de Janeiro produziu as piores criaturas que ocupam “posições políticas” (Municipal, Estadual, Federal) nas últimas décadas.
    O projeto de destruição, GENOCÍDIO, extermínio, da população pobre, preta, favelada, jovem, por agentes públicos e pelas instituições oficiais cúmplices, omissas.

  • Mais um crime bárbaro da polícia contra a população trabalhadora, um dia após Mussonaro se reunir com o seu acólito do RJ. É estarrecedor também haver gente que aplaude. São o eco daquele outro, capitão também, que na Espanha, à véspera do golpe franquista, vociferou: “Viva la muerte”.

  • Ridícula a forma como falam do nosso presidente, e defendem bandidos mortos, jornalismo de merda perdi meu tempo lendo um artigo tão péssimo

  • Metade da notícia é falsa , por tanto , fico grato em dizer pra vocês aguardarem o banimento , estou denunciando a matéria para competentes.

  • Fico grato em dizer que essa notícia será banida pelo uso de Fake News em vários parágrafos . Estou denunciando alguns trechos da notícia para outras autoridades competentes, favor , aguardar o banimento. Tanks !

  • Só precisamos de jornalismo independente. Sem partidarismo e visível de declaração de ódio e intolerância. Cabe ressaltar que às áreas sitadas, não são de propriedade de facções, apenas lá estam pela ausência do Estado, e enquanto houve ‘pseudo jornalista’ tentando manipular os oprimidos moradores, o que é ruim passa a ser pior.
    Recomendo a “jornalista,” larga a simpatia e comprar a briga do povo.

  • Como responder a isto. Reclamar, chorar, desesperar, lamuriar, escrever rios de tinta….
    Nada disto resolve nada.
    Tem que ter resistência popular organizada. Entende?
    Organizada no mesmo nível que os agressores. Respondendo na mesma moeda.

    • mais ódio = mais sangue. quer mudança? faça sua parte, ajude, mostre aos seus proximos que ”o crime não compensa”. seu comentário soa comflito e mais desordem.

      • O Povo Brasileiro está cansado, indignado, sofrido e se vendo ameaçado e oprimido, depois que esse sujeito, infelizmente, ocupou o cargo máximo dentro de um país, que é o de Presidente.
        O Povo quer poder viver a vida, sem se preocupar com falta de comida, de saúde, de moradia, de educação, de vacinas, de respeito.
        O ódio não está partindo do Povo mas sim, daqueles que deveriam agir em prol do Povo e não o fazem. Foram eleitos para bem representarem todo o POVO, não somente uns e outros . O Povo é quem paga a conta, os salários e benesses de Políticos e de outras autoridades, com os impostos altíssimos, cobrados desse Povo, que só tem sido prejudicado.
        Infelizmente, o Brasil voltou a constar no Mapa da Fome do Mundo, segundo a ONU, fato esse que havia deixado de constar nos Governos Lula, com seus projetos sociais e econômicos, que haviam se iniciado e que se daria continuidade, no Governo Dilma, uma Presidenta honesta, digna, de respeito, que foi humilhada, maltratada e tirada da Presidência, num tribunal-farsa, montado por políticos golpistas, ávidos pelo poder.
        O Brasil, que estava se tornando uma Grande Potência, mundialmente falando, caiu em retrocesso, em inúmeros sentidos. Até cédula de voto em papel querem ressuscitar. Por falar em religião, Deus está na boca de uns e outros, mas não no coração e na ação, desses que usam do Santo Nome de Deus em vão, que se dizem terrivelmente Evangélicos, da boca para fora, com intuito de ludibriarem os desavisados.
        Eu e milhões de eleitores, jamais daríamos nossos votos de confiança a esses que usam a religião com intere$$es próprios, sendo preconceituosos, racistas, xenófobos, homofóbicos, opressores e tudo o mais que não presta para o Povo Brasileiro viver feliz e próspero.

    • Falou e disse Paulo Tomaz, a violência fascista se combate com violência desproporcional e assimétrica, não com chororô! Revolucionários usam a violência como ferramenta política!!!

    • Vamos lá, estamos loucos por uma guerra civil! O estopim está curto a favor do cidadão do bem. Traficante bom e traficante morto.

  • O R.J foi um laboratório para essa familia bolsonaro. Condecoraram milicianos em plena ALERJ em baixo dos olhos de varias pessoas que poderiam fazer algo para impedir, porém, preferiram não credibilizar o perigo que representava ,com isso levaram para dentro das instituições politicas e jurídicas esses seres asquerosos. Hoje o R.J tem um poder paralelo que confronta com o pouco que restou dos que ainda querem fazer uma boa politica e dos que ainda presa por honrar a boa justiça. Se nada for feito com URGÊNCIA para arrancarmos nem que seja na unha esses bichos escrotos que se apoderaram do poder, principalmente em Brasília, logo, logo, o Brasil se tornará em um grande R.J
    ACOOOOOOORDEM quem ainda pode fazer algo e nos ajude a mandar de volta ao esgoto esses bichos escrotos.

  • PARABÉNS A POLICIA CIVIL, TEM QUE MATAR TUDO ESSES LIXOS, AGORA É A PM CORRER ATRÁS DO PREJUIZO E BATER ESSE RECORDE DE VAGABUNDOS MORTOS AÍ, TEM QUE MATOR PELO MENOS UNS 30 HEIM PM, ACREDITO QUE VCS CONSEGUEM.

  • Eles disseram que a tal operação foi bem sucedida . Incrível como a violência institucional está encravada na polícia. Duvido que essa operação fosse executada em algum bairro de luxo no Rio. Pessoas pobres podem morrer eles nem se empatizam com os familiares , também seria pura hipocrisia . Eles se sentem bem com o que fizeram . Isso parece que foi uma mensagem pras pessoas que defendem os direitos humanos no Rio. Eles dizem : ___Calem-se ou morram !

  • kkkk jornalzinho de merda e falido, não sabe nem o que é facismo, bando de lixo. chorem mais

  • Triste, não poder esperar mais tempo dentro da comunidade, acho que o saldo seria mais produtivo. Acredito que após essas mortes eles queiram bater o recorde pra 30 em uma vez oportuna.

    ADSUMUS

  • MAIS uma VERGONHA mundial! sem a menor justificativa para pessoas minimamente racionais e intelectualmente honestas.
    Sera que ao menos terão coragem de explicar:
    – 24 assassinados e nem um sequer ferido; alem dos inocentes no trem.
    – Quem eram as 21 pessoas com mandado de Prisão pelo MP
    – Faz sentido uma operação chacina para prender Todos com mandado de prisão ?
    – Dos 24 executados, quais estavam com o tal mandado de prisão ?
    – Tendo começado as 06:00, horário de movimento, que horas teria sido vitimado o policial ?
    – Ja conhecem o local desde sempre, por que teria sido escolhido este fatídico dia ?

    Falta vergonha para explicar isto a humanidade.

  • Que porcaria de matéria…querem jornalismo profissional e com pessoas de alto nível? Vão para o Terça Livre e vejam a superioridade intelectual dos jornalistas Ítalo, Allan e Max.

  • Incrivel que até em ação de policia o Bolsonaro tem culpa, parabéns pelo “Jornalismo”.

  • Bandido bom é bandido morto.
    Foi execução? R: Foi sim, e daí?
    Se um pai de família pisar no pé de desses bandidos, se você não concordar com eles ou se até mesmo umas dessas piranhazinhas deles te olhar e depois falar que foi cantada, eles te colocam em um casaco de pneu e te vê queimando vivo.
    A única vida perdida foi a do policial, o restante morreram poucos.

  • Parabéns aos envolvidos! Condolências ao policial morto! Quando vocês precisam recorrem a quem? Aos marginais que cerceiam a liberdade do povo de bem!

  • Morreu foi pouco, o certo seria morrer o dobro, vocês são muito merda mesmo, imprensa de merda.

  • É um absurdo todas essas falácias aqui postadas. Espero que todos vocês sejam processados por tamanhas infâmias. Pelo que se vê, o que se sabe até o momento é que, 18 das 25 vítimas tinham entecedentes criminais. Nojo desta corja da imprensa 🤮

  • Uma vergonha esse ato genocida assim como o são todos os atos e pronunciamentos do pior presidente da história do Brasil. Mentira, violência, milícia, crime, tráfico, abuso… Tudo isso e muito mais envolve Bolsonaro. Precisamos reagir a tanta atrocidade.

    • Infelizmente, o Povo Brasileiro está vivenciando uma Ditadura das Milícias, que quer, a todo custo, ser “legalizada”. Inadmissível isso. O Mundo inteiro está atento e comentando sobre esse assunto.

  • Que texto mais ridículo Sra . Laura Capriglione (anotei seu nome). Não foi “população pobre” ou trabalhador que eliminamos… eram bandidos , ladrões e traficantes.
    Se te consola podemos ter. TE protegido de ter seu Iphone roubado…
    Acostume-se ! assim será doravante. E saiba que 57% é só o começo ,rumamos a 100%

  • que pena que das 25 mortes, um foi o policial, que morreu como heroi, quando precisarem da policia liga para os traficantes, não se desarma bandidos com flores infelizmente

  • O bandido é preso e tem que ser tratado como suspeito até que se prove o contrário..
    A polícia faz a operação e é chamada de assassina antes de concluir o inquérito quem tendeciou a matéria estava lá.
    Tem alguma coisa podre nessa podridão…

  • é triste vê que a violência foi combatida com violência, mas vcs que criticam tanto pq não vão nas favelas e fazem algo diferente pra evitar que pessoas entrem nesse mundo de crime e tenha este futuro? ja sei, é melhor ficar ai no seu cantinho trocando menssagens e falando mal do trabalho de pessoas que lutam frente a frente com criminosos as vezes ate mais armados do que a propria policia. você acredita que podia ser diferente? então va la e faça a diferença, criticar o presidente e os policiais não muda nada , só aumenta o ódio e a desordem. aaa.. outra coisa, vcs viram o material apreendido pela policia junto com essas ”vitimas”? ja sei, fecharam os olhos né?

  • O problema é muito maior que essa CHACINA…

    O “POVÃO” É VÍTIMA DE DIVERSOS CRIMES (entre os quais contra a humanidade) E SEQUER TEM CIÊNCIA DE SUA CONDIÇÃO DE VÍTIMA.

    EXEMPLO:
    https://intervozes.org.br/wp-content/uploads/2015/06/guia_violacoes_volumei_web.pdf -> “Datena versus ateus em 27-07-10” pag 23, 24 leGiSlação inFRinGida ou aFRonTada: Constituição Federal de 1988 + Regulamento dos Serviços de Radiodifusão + Código Brasileiro de Telecomunicações + Código Civil Brasileiro + Lei nº 7.716/89 + Estatuto da Igualdade Racial + Convenção Americana sobre Direitos Humanos + Declaração Universal dos Direitos Humanos + Pacto Internacional sobre Direitos Civis e Políticos = IMPUNIDADE (Continua lá no Serviço Público Essencial, livre e solto, AINDA ENRIQUECENDO COMETENDO CRIMES CONTRA A HUMANIDADE (Merchandisisng dentro do conteúdo editorial “jornalístico”).

    O “POVÃO”, CONTINUA IGNORANTE DE SUA CONDIÇÃO DE VÍTIMA.


    CRIME ORGANIZADO EM CONCESSÕES|PERMISSÕES PÚBLICAS ESSENCIAIS (Radiodifusão e Transporte)

    CONCESSÕES|PERMISSÕES DE TRANSPORTE PÚBLICO COLETIVO (Estadual e Municipal)…
    Santa Luzia, região metropolitana de Belo Horizonte – Minas Gerais.

    “… o uso de catracas duplas …” PARA COMBATER EVASÃO DE TARIFAS COMETIDO POR SUPOSTOS “…¿usuários¿ mal intencionados tentam burlar o sistema e não realizar o pagamento das tarifas, transferindo estes custos para os cidadãos de bem que pagam ou usufruem das gratuidades … SETOP-MG: 508595 e 508600 – 11/2016 …”. De prepostos (“Fiscais de Usuários”) aparentemente com PODERES DE POLÍCIA, ACUSADOR, JULGADOR, APLICADOR DA PENA IN0-LOCO SEM PROCEDER A QUALQUER REGISTRO PÚBLICOS, chegam ao absurdo de cometer CÁRCERE PRIVADO PARA EXTORSÃO e ASSASSINATO USUÁRIOS, contando com o CONLUIO (in-loco) DE FORÇAS POLICIAIS (Militar, Civil e Municipal). QUAL O ARGUMENTO JURÍDICO DO PODER PÚBLICO + PODER ECONÔMICO PRIVADO? Trechos de LEIS, ATOS (“A LEI”) E NORMA (“A LEI”).

    EX.: USAM TRECHO DE NORMA DA ABNT, ALEGANDO TER PODER DE LEI ABSOLUTA (acima da ordem social e jurídica) PARA “legalizar” O USO DE “Catracas de Duplo Tamanho”: PROTOCOLOS DER-MG Nº 9415/2020 -> Quem responde é “CONSÓRCIO ÓTIMO”. Que alega tão somente EXISTIR UMA TAL DE “… autorização expressa do Poder Concedente; …”. Nº 22115/2020 -> Quem responde é “DER-MG, SEINFRA-MG”. Que então, alega tão somente que “… norma 15.570/2011 da ABNT … em seu item 38.5.9 …” LEGALIZA O USO DE “… dispositivos que evitem a evasão de receita …”. ENTRETANTO OLHEM O CONFLITO ABAIXO (38.5.2 VS 38.5.9)…

    “…
    https://www.cnmp.mp.br/portal/images/Comissoes/DireitosFundamentais/Acessibilidade/NBR_15570-2009_Transp_Coletivo_Urbano.pdf
    NORMA BRASILEIRA
    ABNT NBR15570
    Segunda edição 20.02.2009 Válida a partir de 20.03.2009
    Transporte — Especificações técnicas para fabricação de veículos de características urbanas para transporte coletivo de passageiros
    38 Postos de comando e cobrança
    38.5 Catraca registradora de passageiros
    38.5.2 A catraca deve possuir três ou quatro braços, uma abertura “A” para passagem dos passageiros, igual ou maior que 400 mm (ver Figuras 25 a) e b) ). A altura “H” da geratriz superior do braço da catraca em relação ao revestimento do assoalho do corredor de circulação deve ser de 900 mm a 1 050 mm. (max: 1,05 metro)
    38.5.9 Podem ser instalados dispositivos que evitem a evasão receita, porém sem constituir risco potencial usuários. (O trecho “…Podem ser instalados dispositivos que evitem a evasão receita…” anula o item anterior nº 38.5.2, Constituições, Leis, Pactos e acordos internacionais, permitindo catracas até o teto, PRESSUPONDO “má-fé de usuários de serviços púlico essencial sob monopólio comercial privado (prejudicando o lucro a qualquer custo)”)
    …”

    CONCESSÕES|PERMISSÕES DE RADIODIFUSÃO (TV Aberta)…

    Uma história semelhante às denuncias do transporte. Por anos venho tentando alertar o PODER PÚBLICO CONCEDENTE E FISCALIZADOR (Ministério das Comunicações, Ministério da Justiça, Anatel, Coapi, Coden…) das ilegalidades presentes nesta PRESTAÇÃO DE SERVIÇO PÚBLICO ESSENCIAL (Educação, Cultura e Informação), entre as quais o EXCESSO DE EXPLORAÇÃO COMERCIAL (acima dos 25% permitidos por Lei e Decreto Federal), NÃO EXISTÊNCIA DE SAC (Participação Popular na Administração Púlbica), CONFLITO DE INTERESES ENTRE PRESTAÇÃO DE SERVIÇO PÚBLICO VS PRIVADO (Globo vs GloboPlay, Record vs R7Play…), NÃO SEPARAÇÃO DO CONTEÚDO EDITORIAL DA EXPLORAÇÃO COMERCIAL (Merchandising), NÃO EXISTÊNCIA DE FISCALIZAÇÃO, entre outras ILEGALIDADES.

    Por anos, o PODER PÚBLICO e o PODER ECONÔMICO PRIVADO (Concessionários), vem alegando que uma tal de “A LEI” (depois por anos alegaram ser um tal de “UM DECRETO”) legaliza por exemplo o “EXCESSO DE EXPLORAÇÃO COMERCIAL (acima dos 25% permitidos por Lei e Decreto Federal)” e a “NÃO SEPARAÇÃO DO CONTEÚDO EDITORIAL DA EXPLORAÇÃO COMERCIAL (Merchandising)”. No entanto ao serem questionados da existência desta tal de “A LEI”, como acontece nas CONCESSÕES DE TRANSPORTE, passaram às ameaças (entre as quais, de prisão e de morte). Até que finalmente, em 2020 apresentaram esta tal de “A LEI”, que seria a seguinte:

    GENTE, EM VINTE ANOS, SÃO MAIS DE R$1,3 TRILHÕES TRABALHANDO “de graça” PARA O POVÃO. DISSEMINANDO DESINFORMAÇÃO, DESEDUCAÇÃO E UMA ANTI-CULTURA.

    OBS.: Levei mais de 10 anos (recebendo ameaças) para que admitissem o seguinte.

    “…
    01217.004541/2020-96 -> “… A Secretaria de Radiodifusão, deste Ministério, informou que a veiculação de peças publicitárias durante a programação (ou seja, fora dos intervalos comerciais) denomina-se publicidade indireta ou merchandising. Ela não está regulamentada no Brasil, por isso não existe uma regra que a limite ou impeça a sua exibição. …”.

    08198.004749/2021-19 -> “… A veiculação de peças publicitárias durante a programação (ou seja, fora dos intervalos comerciais) denomina-se publicidade indireta ou merchandising. Ela não está regulamentada no Brasil, por isso não existe uma regra que a limite ou impeça a sua exibição. … Reiteramos, integralmente, os termos da manifestação anterior. Posto que merchandising careça de uma regulamentação, a Secretaria não o qualificaria como crime, até porque não há tipificação penal específica nesse sentido. …”.

    53125.000371/2021-84 -> “… O Departamento de Inovação, Regulamentação e Fiscalização da Secretaria de Radiodifusão do Ministério das Comunicações informa que já se pronunciou, em mais de uma ocasião, a respeito de suas demandas. … Nosso entendimento permanece inalterado, mas estamos dispostos a revê-lo, se houver alguma decisão judicial, com trânsito em julgado, na qual a prática de merchandising seja criminalizada. O Ministério das Comunicações não é a instância mais adequada para determinar se uma conduta pode ou não ser considerada criminosa, por isso nos prontificamos a acatar a interpretação adotada majoritariamente pela Justiça Penal. …”.
    …”

    50+ ANOS DE CONCESSÃO SEM QUALQUER TIPO DE REGULAMENTAÇÃO? R.: SIM, SOMOS VÍTIMAS (Peculato, estelionato, atentados a direitos humanos, civis e sociais). Observo que, mesmo sendo os legisladores (“… 53125.000371/2021-84 … O Departamento de Inovação, –>Regulamentação<– e Fiscalização da Secretaria de Radiodifusão do Ministério das Comunicações …"), o MINISTÉRIO DAS COMUNICAÇÕES, se julga INCOMPETENTE PARA TAL, instruindo o USUÁRIO DE SERVIÇO PÚBLICO ESSENCIAL (Radiodifusão: aos superiores interesses da nação, educação, cultura e informação) a acionar a JUSTIÇA. A mesma "justiça" que POR ANOS alega ser competência do MINISTÉRIO DAS COMUNICAÇÕES.

    A QUESTÃO É: COMO PROVOCAR A AÇÃO DO MINISTÉRIO DA JUSTIÇA, OU ESTADO, OU UNIÃO, PARA ENTÃO REGULAMENTAR (na forma da lei (CF/88 art. 37, 175, 220)) AS CONCESSÕES DE SERVIÇOS PÚBLICOS ESSENCIAIS (Radiodifusão e Transporte) COM A PARTICIPAÇÃO DA SOCIEDADE CIVIL?

    PODERES PÚBLICOS (Polícias, MP, MJ, MC|MCTIC, CADE…,) E ATÉ MESMO ESTES TAIS "Entidades de Direitos Humanos" (que agora irão usar a CHACINA para "MOSTRAR SERVIÇO") AGEM EM CONLUIO PARA "PROTEGER, DEFENDER, OCULTAR E LEGITIMAR O "CRIME ORGANIZADO EM CONCESSÕES|PERMISSÕES PÚBLICAS ESSENCIAIS (Radiodifusão e Transporte)"":

    O CRIME ORGANIZADO EM CONCESSÕES|PERMISSÕES PÚBLICAS segue alguns praxes:
    A) CAMPANHAS DE DESINFORMAÇÃO (EX.: TV Aberta é de graça).
    B) MARGINALIZAR QUALQUER TENTATIVA DE DEFESA DAS VÍTIMAS (Usuários de Serviços Públicos).
    C) NEGAR, DIFICULTAR E IMPEDIR QUALQUER REGISTRO DE ILEGALIDADES.
    D) CASO HAJA REGISTRO, NEGAR DIFICULTAR E IMPEDIR QUALQUER INVESTIGAÇÃO|FISCALIZAÇÃO.
    E) CASO HAJA INVESTIGAÇÃO|FISCALIZAÇÃO, PROCEDER DE FORMA FALHA E(OU) FORJADA PARA ARQUIVAMENTO IMEDIATO.
    F) CASO HAJA NECESSIDADE DE MUDANÇAS, PROCEDER DE FORMA OMISSA, FALHA E(OU) FORJADA, NA CALADA DA NOITE, SEM QUE HAJA QUALQUER PUBLICIDADE DAS MUDANÇAS E DAS ILEGALIDADES DETECTADAS ENTÃO "COMBATIDAS".

    Enfim, "POVÃO" deve continuar desconhecendo sua CONDIÇÃO DE VÍTIMA (Saber o que é RADIODIFUSÃO = as finalidades). NÃO DEVE HAVER QUALQUER COMBATE A CRIMES DOS CONCESSIONÁRIOS (Radiodifusão e Transporte).

    POR QUÊ VIVEMOS UMA DESORDEM SOCIAL?

    “…
    http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/constituicao/constituicaocompilado.htm
    CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL DE 1988
    TÍTULO VIII
    Da Ordem Social
    CAPÍTULO V
    DA COMUNICAÇÃO SOCIAL
    Art. 220. A manifestação do pensamento, a criação, a expressão e a informação, sob qualquer forma, processo ou veículo não sofrerão qualquer restrição, observado o disposto nesta Constituição.
    § 3º Compete à lei federal:
    I – regular as diversões e espetáculos públicos, cabendo ao Poder Público informar sobre a natureza deles, as faixas etárias a que não se recomendem, locais e horários em que sua apresentação se mostre inadequada;
    II – estabelecer os meios legais que garantam à pessoa e à família a possibilidade de se defenderem de programas ou programações de rádio e televisão que contrariem o disposto no art. 221, bem como da propaganda de produtos, práticas e serviços que possam ser nocivos à saúde e ao meio ambiente. (FATO: por mais de 50 anos não existe estes meios legais. MCTIC|MC 01217.004541/2020-96, 08198.004749/2021-19, 53125.000371/2021-84)
    Art. 221. A produção e a programação das emissoras de rádio e televisão atenderão aos seguintes princípios:
    I – preferência a finalidades educativas, artísticas, culturais e informativas;

    II – promoção da cultura nacional e regional e estímulo à produção independente que objetive sua divulgação;
    III – regionalização da produção cultural, artística e jornalística, conforme percentuais estabelecidos em lei;
    IV – respeito aos valores éticos e sociais da pessoa e da família.
    …”

    RESPOSTA: MAL USO DAS CONCESSÕES DE RADIODIFUSÃO (CRIME ORGANIZADO EM CONCESSÕES|PERMISSÕES PÚBLICAS ESSENCIAIS (Radiodifusão: Record, Rede TV, SBT, Bandeirantes, Globo e um exército de concessões a “religiosos”).

    https://jornalistaslivres.org/policia-ataca-judiciario-para-justificar-chacina/

    Daniel de Aquino Silva (02963217617)
    Santa Luzia, região metropolitana de Belo Horizonte – Minas Gerais
    sábado, 08 de maio (05) de 2021

  • Uma vergonha.
    Vergonha nacional, este genocida, assassino e psicopata, impunemente solto por aí.
    Vergonha, vergonha!!

  • o bolsomínion pobre que mora no nestas áreas é escravo ou do tráfico ou da milícia a anos e anos e o bolsomínion rico vai nas manifestações reclamar de liberdade:?

  • Sério, nunca li tanta besteira.
    Se isso foi armado ou não, esta situação vai muito além do Bolsonaro, a corrupção é gigantesca e nós sabemos que está presente em diversas unidades estatais, então não é algo que dependa do presidente.
    As pessoas têm a ignorância de sempre culpar o presidente, é tão evidente que os vereadores mandam nos bairros, prefeitos nas cidades, o bolsonaro não manda em nada e o STF manda em tudo !!!
    Até se ele quisesse abaixar o salário desses corruptos, ele não conseguiria, PORQUE NÃO DEPENDE SÓ DELE, essas coisas vão muito além do que sabemos, é corrupção por todo lado (literalmente), principalmente em unidades como a PM e PC.
    Tendo em vista a clara corrupção, já podemos imaginar o que realmente aconteceu (ou não). 🇧🇷

  • Parabéns à Polícia Civil do Rio que agiu corretamente. Para que não haja confronto solicita-se a gentileza de que bandidos, traficantes e outros da mesma laia se entreguem pacificamente à polícia. Lembrem-se de que a opção do confronto é sempre do marginal.

    • O Mundo inteiro esteve e ainda está atento às ações policiais. Se não tivesse havido massacre, certamente, não estaria sendo investigado, divulgado e comentado sobre essas ações, que inclusive foram mostradas nas redes sociais, com jovens sem armas, levando tiros na cabeça, já rendidos e corpos ensanguentados, deformados, irreconhecíveis, sendo arrastados e desaparecidos.
      Pesquise e verá, como o Mundo inteiro está vendo, comentando e repudiando, exigindo postura desses que aí estão, para cumprirem as Leis e não, “fazerem justiçamento”, pelas próprias mãos.

  • “Massacre”? Morreu algum trabalhador a não ser o policial que estava cumprindo com o seu trabalho?

    • Pesquise na Internet e terá conhecimento dos trabalhadores e jovens empregados e desempregados, que perderam suas vidas, nesse e em outros Massacres, feitos por Milícias, que querem DOMINAR e fazer o tráfico de drogas, de armas, de pessoas e até mesmo, de órgãos dos abatidos nas Comunidades.

  • POSTS RELACIONADOS

    >