Nestas eleições, é possível votar em um candidato ou só no partido?

Mesmo com a proximidade das eleições, ainda há muitas dúvidas. Entenda mais sobre a questão dos votos dados na legenda
Saiba como votar na legenda ou direto em seu candidato. - Foto: Reprodução
Saiba como votar na legenda ou direto em seu candidato. - Foto: Reprodução

As eleições acontecerão neste domingo (02/10). A população irá às urnas para escolher quem ocupará os cargos de presidente, senador, governador, deputado federal e deputado estadual. No entanto, ainda é necessário esclarecer sobre votos que serão dirigidos a um partido ou a candidatos. Os Jornalistas Livres apontam respostas para as perguntas mais comuns entre os eleitores.

Preciso escrever o nome dos candidatos a deputado federal e estadual?

Não é necessário digitar o nome do político escolhido para a Câmara dos Deputados e da Assembleia Legislativa. Mas é necessário saber corretamente o número dele ou dela e preencher os quadrados vazios. Para isso, o eleitor pode e deve levar uma “colinha”. Porém, ela precisa estar escrita em papel, já que não é permitido o uso de celulares. 

Para o Legislativo, dá para votar exclusivamente na legenda? 

Sim, é possível votar no partido para preencher os cargos proporcionais, sendo eles: deputado federal estadual ou distrital (caso do Distrito Federal). Para essas cadeiras, as eleições são definidas já no primeiro turno, assim como para senador. 

Como votar na legenda?

Nas eleições de 2022, foram realizadas mudanças para dar maior confiança ao eleitor e para que ele saiba que seu voto foi feito conforme sua vontade, e será computado.

Ao entrar na cabine, a urna eletrônica estará liberada. O primeiro cargo que deverá ser decidido é o de deputado federal. Caso queira votar apenas na legenda, basta digitar o número do partido e, então, apertar “Confirma”. A novidade é o aparecimento de uma tela, onde se lerá: “VOTO NA LEGENDA” e, caso seja esse o desejo do eleitor, ele deve pressionar “Confirma” mais uma vez. O mesmo acontece com a escolha do deputado estadual. 

Caso o eleitor queira praticar o uso da urna eletrônica, basta acessar o simulador no site do Tribunal Superior Eleitoral.

O que acontece quando você vota apenas na legenda?

As eleições para cargos de deputados federais e estaduais garantem duas escolhas: o partido e o candidato. Quando o eleitor vota apenas na legenda, abre mão da segunda decisão. Assim, em vez de escolher um nome específico, o eleitor dá seu voto ao partido, confiando no programa ideológico dele. E ajuda a colocar os parlamentares mais votados daquela agremiação. Já o voto nominal reforça o candidato. 

O que é um “puxador de votos”? Qual o papel dele nas eleições?

O candidato que consegue o número de votos  muito além dos necessários para a vitória é conhecido como puxador de votos.  O volume extra que ele obteve é transferido para os candidatos da sua legenda, que atingiram uma boa votação, mas não o suficiente para garantir a eleição. 

Contudo, para herdar esses votos extras, o postulante precisa obter pelo menos 20% do quociente partidário. A mudança na legislação eleitoral foi realizada justamente para amenizar os efeitos dos puxadores, que antes arrastavam para o parlamento muitos correligionários com número baixo de votos.

No primeiro turno, o que define uma eleição para o Executivo ?

Cada partido tem apenas um candidato a presidente e a governador. Votando no número da legenda, automaticamente o eleitor aponta o candidato. Ganha aquele que obtiver o maior número de votos. Para garantir vitória já no primeiro turno é necessário atingir 50% + 1 dos votos válidos, excluindo os brancos e nulos. 

Caso ninguém atinja a meta na primeira rodada, haverá a segunda, no último domingo de outubro, dia 30. Disputarão os dois nomes que ficarem no primeiro e no segundo lugar. O vitorioso será aquele que conseguir o maior número de votos válidos.

O que define a eleição para o Senado ?

Nesta eleição de 2022, os brasileiros escolherão apenas um senador em cada estado, para  um mandato de oito anos. O Senado renovará desta vez apenas um terço das suas 81 cadeiras. No pleito de 2026, serão renovados dois terços (dois senadores de cada estado). 

Para o Senado da República a disputa se encerra sempre no primeiro turno.

COMENTÁRIOS

POSTS RELACIONADOS