Eleições: Preocupados com o Brasil, líderes europeus fazem manifesto em apoio a Lula

Lula recebe apoio de líderes europeus
Lula recebe apoio de líderes políticos europeus

“Apenas um homem de Estado como Lula pode enfrentar esse desafio”, diz o texto divulgado nesta sexta (30/09) pelo escritório político do ex-presidente francês, François Hollande. “Quando a democracia está em perigo, todos os democratas devem se unir para derrotar a extrema direita”, diz o manifesto, distribuído pela agência de notícias AFP,

O apoio ao candidato petista, que disputa a Presidência da República com Jair Bolsonaro (PL), reuniu assinaturas de vários ex-chefes de Estado e de governos da União Europeia. Na lista de signatários, de centro esquerda, estão o ex-presidente da Espanha José Luis Rodríguez Zapatero, os ex-primeiros-ministros da Itália Enrico Letta e Massimo D’Alema, o ex-premiê da Bélgica Elio Di Rupo e a ex-presidente da Suíça Micheline Calmy-Rey, além do ex-premiê francês Dominique de Villepin, que é conservador.

Segundo os líderes, o mundo precisa de um Brasil democrático e justo. “É por isso que nós, ex-chefes de Estado e de governo de diversas tendências políticas, apoiamos a candidatura do ex-presidente Lula”, explica o documento.

A iniciativa, capitaneada por Hollande, foi pautada por uma preocupação com os destinos do país, o que está em jogo nas eleições de 2022, e com os reflexos políticos sobre as demais nações da América Latina. No entender dos líderes europeus, para isto é necessário derrotar Bolsonaro. A decisão de formular a mensagem rapidamente encontrou ressonância em todos os líderes procurados para endossá-la. O manifesto foi recebido com entusiasmo na campanha do candidato petista .

 

COMENTÁRIOS

POSTS RELACIONADOS

Lula e Xi: por nova ordem mundial

Coincidência vai além do terceiro mandato e é vista em discurso que desenha uma nova configuração da forças politicas no mundo, onde o protagonismo pode

Craque dentro e fora do campo

O centroavante Richarlison ganhou cerca de 4 milhões de seguidores em seu Instagram após fazer os dois gols na vitória do Brasil contra a Sérvia.