Diário do Bolso: a live de quinta categoria

Teve umas 350 mil visualizações. Te cuida, Silvio Santos! Agora o presidente da Embratur virou convidado fixo porque toca sanfona. Um número musical sempre ajuda. Acho que vou escolher um ministro da Educação que saiba fazer malabarismo. Ou uma ministra que faça pole dance. Tudo pela audiência, kkk!

Por José Roberto Torero

Diário, a minha live dessa quinta foi um sucesso!

Quinta-feira, não quinta categoria, kkk!

Teve umas 350 mil visualizações. Te cuida, Silvio Santos!

Agora o presidente da Embratur virou convidado fixo porque toca sanfona. Um número musical sempre ajuda. Acho que vou escolher um ministro da Educação que saiba fazer malabarismo. Ou uma ministra que faça pole dance. Tudo pela audiência, kkk!

Olha Diário, o pessoal diz que eu não tenho programa de governo. Mas eu tenho. Essa live de quinta é o meu programa, pô!

Afundar é nossa especialidade

E eu falei coisas muito importantes na live:

1-) Que vou afundar umas estátuas no mar para o pessoal do mergulho. Afundar é nossa especialidade.

2-) Falei da inauguração de mais uma parte da transposição do Rio S.Francisco. Mas não disse que peguei a coisa já no finalzinho. Eu sou burro mas não sou besta.

3-) Tossi um bocado. Na semana que vem vou tomar um copinho de cloroquina antes do programa começar, kkk!

4-) O ministro da pesca falou sobre a carteirinha de pescador. Grande assunto!

5-) Prometi que vou liberar o uso de jetski, porque eu não gosto desse negócio de carteira de motorista.

6-) Falei que mandei cloroquina lá para a Bahia, a pedido de uma médica. Viva a cloroquina, pô!

7-) Contei que liguei prum sargento de uma cidadezinha e ele não acreditou que era eu. E aí ri um bocado. Fato muito importante.

😎 Reclamei de usar máscara.

9-) Falei mal da PL da Fake News, dizendo que sou a favor da liberdade total.

10-) Citei o jogo Flamengo x Boavista (eu até estava com uma camisa do Mengo) e dei parabéns para mim mesmo por assinar a “carta de alforria” dos clubes.

11-) Eu e a minha turma respondemos umas perguntas ao vivo do Augusto Nunes e do Fiúza. Grande Jovem Pan! Aliás, elogiei muito essa rádio, dizendo que ela é imparcial. Às vezes eu gosto de fazer graça.

12-) E nem toquei no assunto covid, nas mais de 60 mil mortes e no um milhão e meio de infectados. Eu quero fazer um programa pra cima, pô. O que os olhos não veem e o ouvido não escuta, a urna não sente, kkk!

José Roberto Torero é autor de livros, como “O Chalaça”, vencedor do Prêmio Jabuti de 1995. Além disso, escreveu roteiros para cinema e tevê, como em Retrato Falado para Rede Globo do Brasil. Também foi colunista de Esportes da Folha de S. Paulo entre 1998 e 2012.

#diariodobolso

A live de quinte de Jair Bolsonaro

COMENTÁRIOS

POSTS RELACIONADOS