Bolsonaro quer congelar aposentadoria e salário mínimo depois do 2 turno

Enquanto o preço das comidas sobe, Bolsonaro e Guedes querem matar de fome aposentados, pensionistas e trabalhadores
Bolsonaro e Paulo Guedes - Foto: Divulgação
Bolsonaro e Paulo Guedes - Foto: Divulgação

Com a intenção de diminuir as despesas do Estado caso seja reeleito, Bolsonaro tem como proposta o congelamento da previdência dos aposentados e do salário mínimo do trabalhador. O objetivo do presidente e de seu guru da economia, Paulo Guedes, é reformular o teto de gastos. Caso seja reeleito, Bolsonaro quer aposentadoria e o salário mínimo sem correção com a inflação, ou seja, os demais preços sobem, as pessoas gastam mais, e o salário? Continua o mesmo. Em setembro, Bolsonaro já havia apresentado uma proposta de reajuste do mínimo abaixo da inflação, agora sequer isso: quer congelar de vez o salário dos brasileiros.

Por Emanuela Godoy

COMENTÁRIOS

POSTS RELACIONADOS

Condenado por trabalho escravo financiou presidente da CPI do MST

Tenente-coronel Zucco recebeu doação do fazendeiro Bruno Pires Xavier, condenado por manter 23 trabalhadores em condições degradantes em Mato Grosso; ele é apoiado pela Farsul, que minimizou trabalho escravo em vinícolas e quer punições mais brandas para trabalho infantil