O PEABERU DA PAULISTA E OS PODERES INSANOS

Imagens de Milena Abreu, Martha Raquel, Sato do Brasil, Christian Braga e Helio Carlos Mello

Este slideshow necessita de JavaScript.

Amanheceu na cidade de São Paulo. No Peaberu da Paulista, do Jaraguá à Consolação, muitos séculos já se passaram e os índios Guarani ainda solicitam terra aos governos que dominaram o planalto paulista.

Para o Guarani tudo é caminho e essa via chamada Paulista, há séculos já é percorrida pelos seus rumo aos parentes do litoral. Se agora bancos e escritórios se interpõe, não desistem e cantam, Nhanderu sabe.

Querem sim o que lhes é de direito. Se o presidente, governador ou prefeito negam é porque temem e se esquivam, querem negociar o mundo. Guarani persiste e segue.

Há algo de índio hoje na metrópole, de madrugada muitos sabiás cantaram. Quando cai a tarde na cidade, em outro protesto, vejo também que  há um olhar vago e triste naqueles que veem os braços abertos de Cabral em monumento diante da Assembléia Legislativa. Não apetece ao índio o imbróglio do gesto do falso descobridor do Brasil; protestam. 

Gesto cabralino das artimanhas dos descobridores na conquista do território, imortalizados em várias obras de arte instaladas no Parque do Ibirapuera. © Helio Carlos Mello – Jornalistas Livres

Como em outros séculos, a terra da cidade foi ontem pisada por milhares de Guarani, circulando entre a multidão que questiona as atitudes insanas desses governos.

Também na audiência pública contra a construção de termoeletrica em Peruíbe, os Guarani em toda cidade hoje querem respeito, tão simples. Difícil entendimento dos brancos. Índio insiste, pinta, canta e dança. Se o país nesse momento anda na noite onde as trapaças imperam e velhas raposas querem negociar o galinheiro,os povos indígenas indicam um caminho de lucidez e resguardo.

© Milena Abreu – Jornalistas Livres

                                                                       

Categorias
ÍndiosOpinião
Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

AfrikaansArabicChinese (Simplified)EnglishFrenchGermanItalianJapaneseKoreanPortugueseRussianSpanish